Quais são os tipos de intercâmbio que existem

Se você chegou até esse post é porque quer saber a fundo sobre intercâmbios e os tipos que existem, fique conosco até o final do post e saiba tudo sobre essa modalidade de ensino       que pode te ajudar e muito a conseguir uma bela oportunidade.

O primeiro passo para planejar um intercâmbio é descobrir quais cursos e destinos atenderão às expectativas e objetivos dos alunos. Em seguida, há a preparação do teste de proficiência, edital de bolsa, requerimento e documentos de visto, uma agência de Intercâmbio pode lhe ajudar nessa tarefa.

Ainda preciso definir onde morar e entender como será a vida lá. Passar por essas etapas com tranquilidade e ter informações é fundamental, para que o tão esperado intercâmbio não cause frustrações e nem mesmo termine antes de começar: Você já pensou em ser banido da imigração por não ser adequado o visto de estágio?

Programas de intercâmbio: conheça um pouco mais a seguir

Seja fazendo cursos de idiomas, voluntariado ou combinando estudo e trabalho, existem muitos programas de intercâmbio para você escolher. A ocorrência mais comum é a comunicação linguística, que geralmente dura de três a seis meses.

Nesse caso, é importante que os alunos garantam que estão matriculados em suas aulas de fluência e que estão cientes das expectativas do programa.

Por exemplo, um aluno que começou do zero e tem tempo limitado não pode atingir o nível avançado em uma etapa. “Se uma pessoa ficar ausente por um período de tempo mais curto, mesmo que ela esteja totalmente imersa e exposta à linguagem 24 horas por dia, não haverá milagres.

Por outro lado, aqueles que já possuem níveis intermediários ou avançados e apenas desejam ganhar a confiança no idioma podem optar por uma combinação de cursos ou cursos oferecidos por várias instituições de ensino superior. Por exemplo, para mudar de carreira, os alunos podem combinar cursos de inglês em universidades estrangeiras com disciplinas de MBA.

Vamos citar a seguir apenas 5 modelos de intercâmbio, confira:

1.  Intercâmbio através do curso de idiomas

A comunicação linguística é uma das mais populares e procuradas pelos viajantes. Oferece cursos para aprender um novo idioma em diferentes países por pelo menos 2 semanas. Dependendo da fluência dos intercambistas e até mesmo de seus objetivos para o curso, são oferecidos diferentes cursos.

De modo geral, esse método é adequado para alunos com mais de 14 anos, e as exigências burocráticas podem variar de país para país.

As salas de aula geralmente são compostas por alunos de diferentes nacionalidades, e há cursos de preparação para testes de habilidade, como IELTS e TOEFL.

Se você é iniciante no idioma, não se preocupe, pois a escola ajustará o nível antes de organizar o curso. Portanto, todos os alunos estão no mesmo nível de aprendizagem.

2.  Intercâmbio Cursos de especialização

Você já é graduado e quer aprofundar seus conhecimentos sobre o assunto? Os intercâmbios profissionais oferecem cursos com qualificações específicas no exterior.

Esta é uma ótima oportunidade para quem deseja aprimorar seu currículo. Normalmente neste tipo de comunicação, você pode estudar os módulos de um curso profissionalizante em momentos diferentes, ou, se quiser, pode cursar um diploma / curso completo ao mesmo tempo.

3.  High School

O ensino médio é um programa de intercâmbio para alunos entre 14 e 18 anos. Entre eles, estudantes brasileiros têm a oportunidade de cursar o ensino médio em escola estrangeira e vivenciar a cultura, a língua e o cotidiano dos jovens daquele país.

Os intercâmbios no ensino médio podem durar um semestre ou até um ano letivo, dependendo do curso escolhido. Durante este período, os alunos podem morar com a família anfitriã previamente selecionada e participar de todas as atividades extracurriculares e sociais da escola.

4.  Intercâmbio na modalidade férias

Como o nome sugere, a troca de férias é um plano mais curto para quem quer aproveitar as férias de uma forma mais especial e produtiva. Esta é a escolha perfeita para fazer cursos de idiomas, se especializar e explorar novos lugares.

Se você não pode investir em bolsas de longo prazo, este plano de curto prazo é a melhor opção. Existem opções para profissionais e jovens estudantes.

Escolha o tipo mais adequado e aproveite as oportunidades de imersão. Os locais mais adequados para esse tipo de intercâmbio são os Estados Unidos, Canadá e Austrália, e a duração do curso pode variar de duas semanas a um mês.

5.  Trabalho aliado a estudo

Se você quer fazer um intercâmbio, mas precisa de uma verba extra para ficar no país de sua escolha, uma boa dica é entender e considerar a possibilidade de um plano de trabalho e de estudos.

Regiões como Austrália, Nova Zelândia e Irlanda oferecem vagas específicas para estudantes de intercâmbio. Você pode usar seu tempo livre para trabalhar e ganhar algum dinheiro durante a viagem.

Mas fique atento: existem regras específicas para comunicação de trabalho e estudo e, em todos os casos, você precisa se inscrever para um curso de idiomas naquele país.

Legal, não é? Como você pode ver, existem diferentes tipos de bolsas que podem atender às necessidades de diferentes tipos de viajantes. Basta encontrar o seu favorito e desfrutar de tudo o que essa experiência no exterior tem a oferecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *