Portas automáticas: fundamental para a inclusão de pessoas com deficiência

Pessoas com deficiência, no Brasil, sempre tiveram dificuldades de acessibilidade. Por muito tempo esses direitos foram sonegados por muitos locais, e vias de acesso nunca foram adequadas a essas necessidades.

Com o passar dos anos e a regulamentação das leis que obrigam o acesso, ainda que tardio, muitas empresas têm buscado se adequar a esta realidade.

A acessibilidade facilita a vida de todas as pessoas, não apenas as deficientes, mas as que, por algum motivo, estão com a saúde debilidade devido a acidentes e outras enfermidades.

E essa integração deve ser feita para uma sociedade mais justa. Com isso, a tecnologia tem se tornado uma importante aliada.

A implantação de rampas de acesso, elevadores, corrimãos e portas automáticas, por exemplo, já são vias de acesso fundamentais. Confira no texto de hoje o porquê de você aderir às portas automáticas para a inclusão.

Portas automáticas e a inclusão social

As portas automáticas contribuem não só para a segurança da sua empresa ou residência, mas para fornecer acessibilidade a pessoas com deficiência ou que possuem algum tipo de limitação, devido a acidentes.

As portas automáticas são importantes aliadas nesses casos, pois são abertas por sensores e controle remoto. Não é necessário, portanto, nenhum esforço.

Para abri-las, basta acionar o botão. Muitas empresas já estão aderindo este modelo de portas, pois também estão investindo na capacidade de trabalho das pessoas com deficiência.

A preocupação na contratação de PCD’s está para além da inclusão, pois visa proporcionar maior sentimento de pertencimento a essas pessoas, com acessibilidade justa e segura para que estes profissionais possam exercer os seus direitos de ir e vir e trabalhar com segurança.

Padronização das portas automáticas

pessoa com deficiência

As portas mais adequadas aos deficientes físicos são fabricadas segundo algumas normas técnicas estabelecidas pela ABNT. São elas, ABNT NBR 15202:2006 e ABNT NBR 16025:2012. Para portas acionadas pelo usuário, os botões devem ser instalados em uma altura entre 0,90m e 1,10m da base do piso.

Já para portas que abrem no sentido varredura, os botões devem estar numa distância de 0,80m e 1,00m da abertura, evitando colisões.

Esse modelo de porta deve ser diferente das demais, justamente para evitar colisões e permitir a passagem de cadeirantes e pessoas com dificuldade de locomoção, já que as portas comuns são estreitas e algumas até impedem a passagem.

Como a Megadoors trabalha com a mais alta tecnologia do mercado, oferecemos praticidade e conforto em seus automatizadores, seja para a residência ou empresa que você atua. Gostou deste artigo? Compartilhe essa informação em suas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *