É possível ser um atleta vegano: Saiba como

Alimentando-se corretamente, o atleta vegano pode ter performance esportiva de alto rendimento.

Nem todos os atletas precisam de carne para desenvolver os músculos e ter resistência física. O atleta vegano é tão disposto e forte quanto o carnívoro, e sua dieta pode ser igualmente cheia de proteínas e calorias.

A alimentação vegana é aquela onde se excluem do cardápio o consumo de qualquer derivado animal, seja carne, leite, ovos ou mel. Dados do Instituto Ipsos estimam que 4% da população brasileira seja de vegetarianos e veganos. Nesse grupo, muitos sonham e podem ser atletas. Conheça a alimentação de um atleta vegano e saiba como eles alcançam o sucesso.

O atleta vegano garante energia com o consumo de saladas e alimentos naturais. Foto: Pixabay

Como é o cardápio do atleta vegano?

Em função das restrições alimentares da dieta vegana, quem deseja ser atleta precisa consumir boas doses de calorias para garantir maior energia e eficiência nos treinos. Além disso, frutas e legumes devem estar no cardápio de forma abundante. Os principais nutrientes estão nesses alimentos, que proporcionam maior força ao sistema imunológico.

Os grãos e os legumes também devem ser protagonistas na dieta do atleta vegano. Eles fornecem as proteínas e têm baixo teor de gorduras. Antes do treino, proporcionam a disposição necessária para ganhar massa muscular.

quinoa é um grão melhor que a soja, pois possui sais minerais e aminoácidos. Composta por 23% de proteína, pode substituir o arroz na alimentação. A proteína de soja é outra opção e costuma ser utilizada em pó, como suplemento.

Devem ser evitados os alimentos processados, como biscoitos e salgadinhos. Em contrapartida, os cereais integrais e as nozes podem ser consumidos em abundância. A linhaça é outro grão muito benéfico, que pode ser misturado nas refeições.

Feito a partir de sementes de soja branca, o tempeh é um alimento muito nobre derivado da soja. Ele é composto por, aproximadamente, 19% de proteína. Essa dosagem é igual a diversos tipos de carne vermelha, sendo um excelente substituto para os veganos.

O treino do atleta vegano

Para conseguir uma boa performance física, o atleta vegano precisa se preocupar principalmente com a alimentação. A suplementação de ferro pode ser necessária, pois ele é o responsável por desenvolver as células vermelhas no sangue. Brócolis e espinafre são fundamentais, também, pois são ricos em cálcio, que fortalece os ossos e dá resistência.

Na academia, o atleta vegano precisa focar na intensidade dos treinos. Em vez de repetições longas, ele deve reduzir o tempo e trabalhar o músculo com força. Assim, previne a perda de massa muscular, comum em sessões mais extensas.

Quando o tempo de treino é maior, o corpo aumenta a necessidade deproteína, o que é mais difícil de conseguir numa dieta sem carne. Porém, os veganos podem ganhar massa corporal e, inclusive, ser fisiculturistas.

Recentemente, dois atletas veganos participaram de um mesmo concurso de fisiculturismo, em São Paulo. Felipe Garcia do Carmo, de 29 anos, foi escolhido campeão de sua categoria. Já Paulo Victor Pinheiro Guimarães ficou em 4º lugar, na mesma modalidade.

Os atletas, pioneiros no fisiculturismo brasileiro, mostraram que os veganos podem ter performance esportiva de alto rendimento.

Gostou das dicas de atividade física? Então deixe um comentário!

Capitã Marvel: Conheça a história do novo lançamento da Marvel

O universo cinematográfico da Marvel sempre é cheio de novidades, e a da vez agora é o filme da Capitã Marvel. Para quem é muito fã dos quadrinhos, já conhece essa personagem, pois, é bem popular nesse mundo. Mas, para o grande público ela é uma personagem nova. Por esse motivo, iremos mostrar aqui quem é a capitã Marvel.

Como Surgiu a Capitã Marvel

Carol Danvers era uma humana comum, sem poderes. Porém, certo dia, foi atingida por uma explosão de uma nave alienígena. No momento dessa explosão, sua fisiologia foi alterada e seu DNA se tornou híbrido. Foi nesse momento que ela ganhou seus superpoderes e assumiu o codinome de Capitã Marvel.

Quais os superpoderes da Capitã Marvel?

Mas afinal, quais os superpoderes que a Capitã Marvel adquiriu com esse DNA híbrido? Confira abaixo a lista deles.

  • Superforça;
  • Super resistência;
  • Resistência à maioria das toxinas e venenos;
  • Indestrutibilidade;
  • Excelência no combate corpo-a-corpo;
  • Voo (ultrapassa a velocidade do som);
  • Habilidades psíquicas;
  • Absorção e manipulação de energia;
  • Explosões fotônicas.

Os superpoderes da Capitã Marvel são impressionantes.

História do Filme

A origem da Capitã Marvel não é mostrada no filme. Nele, Carol Danvers já deixou a terra, a história é contada a partir da sua união com a equipe militar de elite conhecida como Starforce. Essa equipe é comandada pelo personagem interpretado por Jude Law.

Durante o tempo no espaço, a Capitã Marvel esquece do seu passado. Ela não se lembra como se tornou híbrida ou até mesmo o que era antes de se tornar. O filme mostrará o seu retorno a terra para combater a ameaça de invasão dos metamorfos. Porém, além da batalha com eles, o filme retratará a descoberta de Carol Danvers sobre seu passado. E tudo isso contará com a ajuda do agende Nick Fury (Samuel L. Jackson) e da gata Goose.

Como criar sites pode ajudar sua empresa crescer

Empresas que acreditam que criar sites simplesmente por criar estão perdendo espaço e clientes para quem consegue ver de outra forma.

Nos dias de hoje, uma empresa que não aposta em sites profissionais com visão na melhor experiência do usuário estão perdendo vendas.

Como diz o ditado: “Estão deixando dinheiro na mesa”

A criação de sites de sucesso deve seguir um padrão sempre pensando no usuário, naquele que acessa o seu site e vai colocar o dinheiro na sua empresa.

Um simples site não tem o efeito de um site focado em conversão.

Vamos entender algumas diferenças? Veja:

Criar Sites em WordPress

Hoje o WordPress é sem dúvida a ferramenta mais utilizada no mundo para se criar sites.

O WordPress é conhecido por sua facilidade no manuseio e também na grande simpatia que o Google tem pela ferramenta.

O interessante do CMS é que você não precisa ter experiência e muito menos saber qualquer tipo de programação. Ele é muito intuitivo e se aliado a plugins de criação, a construção do seu site se torna arrasta e solta.

Criação de Sites Inteligentes

Uma boa dica que dou é otimizar o site enquanto você vai desenvolvendo, pois quando finalizar o projeto ele já estará todo pronto para ser indexado pelo Google.

Um grande erro que a maioria das pessoas cometem é criar o site e deixar a opção de ser rastreado pelo Google ativada.

Muito conteúdo que ainda está em fase de construção acaba sendo indexado e aparecendo no Google. A melhor maneira de não acontecer isso é deixar a opção de indexação desativada.

Criar Sites Profissionais

Outra ótima dica é criar sites profissionais.

Sempre que você for pensar e planejar um site, o ideal é olhar bastantes sites com layout profissional e se inspirar.

Preste muita atenção aonde as imagens são inseridas, o tipo de texto e sua formatação, o esquema de cores e por aí vai.

Essas idéias são fundamentais para que você consiga desenvolver bons projetos de sites.

Otimização de Sites

Sabe por que o seu site não recebe visitas? Por que bem provável ele esteja fora das primeiras páginas do Google.

A otimização é fundamental para que seu site permaneça na frente da sua concorrência.

Uma dica muito boa é pesquisar por determinada palavra-chave que é trabalhada no seu site e analisar o site dos 3 primeiros colocados.

analisando esses sites você pode e começa a entender o que sua concorrência está fazendo

Jamais deixe de analisar os seus concorrentes e faça o trabalho melhor que os deles.

Espero que tenha ajudado a todos com essas dicas.

Até a próxima e muito sucesso.

Estratégias de sono para bebês

Os recém-nascidos têm dificuldade em distinguir entre a noite e o dia, o que explica suas explosões irritantes de sono do bebe durante todo o dia. Mas uma vez que seu bebê tenha algumas semanas de vida, você pode começar a ensinar-lhe a diferença – e estabelecer hábitos de sono saudáveis ​​enquanto estiver fazendo isso. Essas dicas de especialistas podem ajudar:

bebe-com-sono-leve


Use a luz estrategicamente

“As luzes pressionam o botão biológico do seu filho”, diz Elizabeth Pantley, autora de The No-Cry Sleep Solution . Por outro lado, a escuridão aciona o cérebro para liberar a melatonina, um hormônio do sono importante. Mantenha os dias do seu bebê brilhantes e suas noites escuras e ele vai descobrir rapidamente quando é hora de dormir.

Durante o dia, deixe bastante luz solar na casa ou leve-o para fora. Colocar o seu bebê para baixo para o dia cochilos em uma sala bem iluminada (a menos que ele tem dificuldade em adormecer à hora da sesta).

Para induzir a sonolência noturna, considere instalar dimmers nas luzes do quarto de seu bebê, mas também em outras salas onde ambos passam muito tempo. Abaixe as luzes à noite (até duas horas antes de dormir) para definir o humor.

Não há problema em usar uma luz noturna em seu quarto, mas escolha uma pequena e escura que permaneça fria ao toque. (Não o ligue perto de camas ou cortinas.)

Se o seu filho acordar durante a noite, não acenda as luzes nem leve-o para uma sala bem iluminada. A mudança do escuro para a luz diz ao seu cérebro que está na hora. Em vez disso, acalme-o de volta a dormir em seu quarto escuro.

Se a luz do sol matinal fizer com que seu filho acorde cedo demais, ou se ele tiver problemas para cochilar à tarde, considere a instalação de persianas que escurecem a sala.

bebe-com-sono-leve

Coloque seu bebê na cama quando ela estiver sonolenta, não dormindo.

Esta é uma tarefa difícil, especialmente para as mães que amamentam , mas domine o tempo e você e seu bebê descansarão mais facilmente. Os bebês que se afastam por conta própria têm maior probabilidade de aprender a se acalmar e dormir , diz Kim West, consultora de sono e autora de A Boa Noite da Sono da Mulher, Sleep Tight .

Tente colocar seu bebê na cama do seu bebê enquanto ela está se acalmando, pouco antes de ela acenar. West sugere a criação de uma escala de sonolência de 1 a 10 quando o bebê tiver entre 6 e 8 semanas de idade. (1 está bem acordado e 10 está frio.) Espere até que seu bebê bata 7 ou 8, e então a coloque no sono.

Espere um momento antes de ir ao seu bebê

Se você pular a cada guincho ouvido no monitor do bebê , estará apenas ensinando seu filho a acordar com mais frequência. Espere alguns minutos para dar-lhe tempo para voltar a dormir sozinha. Se ela não faz, e parece que ela está acordando, tente alcançá-la antes que ela se torne um uivo total. Pisar antes de um colapso significa que você vai pegá-la antes que ela esteja muito cansada para voltar a dormir.

De qualquer forma, não há problema em diminuir a sensibilidade do monitor do seu bebê. Defina o volume para que você seja alertado quando estiver angustiado, mas não ouvirá todos os gorgolejos.

Tente não olhar o seu bebê nos olhos

Muitos bebês são facilmente estimulados. Apenas conhecer o olhar de seu bebê pode atrair sua atenção e sinalizar que é hora de brincar.
Os pais que fazem contato visual com bebês sonolentos, inadvertidamente, os incentivam a sair da zona de sono, diz Claire Lerner, conselheira sênior da Zero to Three, organização sem fins lucrativos que promove a saúde de bebês e crianças pequenas. “Quanto mais interação ocorrer entre você e seu bebê durante a noite, mais motivação ela terá para se levantar.

Então, o que fazer em vez disso? Lerner sugere mantê-lo discreto. Se você for ao seu bebê à noite, não faça contato visual, fale com entusiasmo ou cante sua música favorita. Mantenha seu olhar em sua barriga e acalme suas costas para dormir com uma voz calma e um toque gentil.

Relaxe as regras sobre as mudanças de fralda

Resista ao desejo de mudar seu bebê toda vez que ele acordar – ele nem sempre precisa dele, e você só o empurra para acordá-lo. Em vez disso, coloque seu bebê em uma fralda noturna de alta qualidade na hora de dormir, diz Pantley. Quando ele acordar, cheire para ver se está sujo e mude apenas se houver cocô. Para evitar acordá-lo totalmente durante as alterações noturnas, tente usar lenços que foram aquecidos em um aquecedor de lenços.

Dê ao seu bebê um “feed dos sonhos”

Se o seu bebê tiver problemas para dormir, acordá-lo para uma madrugada (entre as 22h e a meia-noite, por exemplo) pode ajudá-lo a dormir por mais tempo.

Mantenha as luzes apagadas e levante gentilmente seu bebê dormindo do berço. Acabe com ele para amamentar ou pegar uma garrafa. Ele pode acordar apenas o suficiente para começar a se alimentar, mas se não o fizer, gentilmente cutuque os lábios com o mamilo até que ele se agarre. Depois que ele terminar, coloque-o de volta para a cama sem arrotá-lo.

Espere até que ela esteja pronta para o treinamento do sono
Seguir essas dicas ajuda a estabelecer hábitos de sono saudáveis ​​e você pode começar já no primeiro mês de vida do bebê.

Mas, por mais desesperado que você possa estar por algum tempo, seu bebê não estará pronto para o treinamento formal do sono até que ela tenha pelo menos 4 meses de idade. A essa altura, ela não estará apenas pronta para dormir por mais tempo, mas também será muito mais receptiva às técnicas que você usa.

bebe_com_sono_leve

Prepare-se para regressões do sono

Se o seu bebê começar a acordar durante a noite novamente , não entre em pânico: provavelmente é só um soluço temporário. Bebês e crianças pequenas geralmente apresentam pequenas regressões do sono em torno de importantes marcos do desenvolvimento ou mudanças na rotina, como viagem, doença ou um novo irmão.

Muitos pais notam que os problemas do sono começam por volta dos 4 meses, quando os bebês se tornam mais móveis e seus padrões de sono mudam, e novamente por volta dos 9 meses, à medida que aumenta a ansiedade de separação .

Para passar por isso, volte ao básico: atenha-se a um cronograma previsível e consistente durante o dia e a uma rotina tranqüilizante para dormir à noite. Se seu bebê tiver idade suficiente, escolha uma estratégia de treinamento para dormir e tente por uma semana. Se você não enxergar melhorias, reavalie e tente uma nova abordagem.

Abrir conta corrente Online: Como abrir conta corrente online

Hoje o que buscamos em nosso dia a dia, é praticidade, assim com a ajuda da internet, atualmente se é possível até mesmo abrir conta corrente online.

Uma conta corrente serve para você guardar seu dinheiro, receber seu salário ou até mesmo fazer um empréstimo, e hoje muitos bancos possibilitam a abertura de uma sem que o cliente tenha que ir até uma agência física.

Assim, se você quer saber mais sobre como abrir conta corrente online, basta continuar acompanhando esse texto.

O que é uma conta corrente online?

Hoje já é possível abrir conta corrente online de forma rápida, segura e sem precisar encarar filas de bancos. Saiba, que uma conta corrente que você abre online, tem os mesmos serviços, segurança e benefícios que uma aberta na agência.

Os bancos hoje possibilitam a abertura de uma conta pela internet, para concorrer diretamente com os bancos digitais, que são aqueles sem agências físicas.

Assim, bancos como o Santander, Caixa, Itaú, Banco do Brasil possibilitam aos seus clientes abrir conta corrente online.

Como abrir conta corrente online?

Para abrir conta corrente online, é preciso antes conhecer os bancos que disponibilizam essa opção. Algumas instituições ainda necessitam que o cliente vá até uma agência física para finalizar o cadastro, mas de modo geral, grande parte do processo é feito pela internet.

Por isso, escolha um banco que ofereça uma conta que combine com você,  e que possua tarifas e condições com um bom custo benefício.

Em geral para abrir conta corrente online você precisará informar seus dados pessoais, endereço, e informar a sua renda mensal.

Quais os serviços que uma conta corrente online possui?

Uma conta aberta pela internet,  possui os serviços disponíveis que uma tradicional, o que pode diferenciar apenas, são as tarifas cobradas e a disposição dos serviços.

Mas, de modo geral, hoje abrir conta corrente online é quase tão vantajosa, se não mais, que abrir uma conta tradicional.

Simular Seguro Automóvel: 3 Formas de simular seguro automóvel

Muitas vezes simular seguro automóvel é uma preocupação que poucas pessoas têm, mas que deveriam começar a adquirir.

Afinal, simular é melhor forma de economizar dinheiro na hora de escolher um serviço tão importante como um seguro para o seu veículo.

Ao simular seguro automóvel você pode ver qual é a melhor opção disponível para as suas necessidades, além de analisar o custo-benefício que cada empresa tem a oferecer.

Por isso, veja abaixo três formas de simular seguro automóvel e cotar os preços deste tipo de seguro.

1.     Simular seguro automóvel com a Bidu

O Bidu é um site de uma corretora, desenvolvido exclusivamente para simular seguro automóvel, fazer cotações e comparação de seguros.

Esta empresa trabalha com seguradoras conceituadas do mercado, como:

  • Bradesco
  • Allianz
  • HDI
  • Porto Seguro

O site, ao você simular seguro automóvel oferece valores de uma grande variedade de empresas após uma simulação muito detalhada.

2.     Simular Seguro Automóvel em Bancos

Hoje, muitos bancos oferecem a opção de simular seguro automóvel, em que você pode simular direto no site deles.

No Bradesco, por exemplo, basta você clicar no botão “Simule e Contrate” para começar, mas você precisará informar alguns dados pessoais seus, como CPF, telefone e e-mail. Em seguida, informar os dados do veículo e pronto.

3.      Simular Seguro Automóvel no site Compara Online

O site Compara Online funciona como o site Bidu, um site feito para simular seguro automóvel de várias empresas em um único lugar.

Diferente do seuS concorrentes, o formulário aqui a ser preenchido é menos detalhado, o que facilita e muito na hora da comparação.

Agora que você já sabe algumas formas de simular seguro automóvel, você pode fazer tudo isso no conforto da sua residência pelo seu computador.

Mas, é importante lembrar-se de não olhar apenas o preço, mas sim observar o que a seguradora cobre o custo-benefício, e se o seguro atende as suas necessidades, e seu preço cabe no seu bolso.

Copel: O que é Copel e para que serve

Sociedade e energia são palavras que se encontram lado a lado.

Um mundo sem energia, hoje em dia, é improvável que se de certo e ande para frente. Junto com comodidade, esse recurso energético, nos traz conforto e proteção. A sua utilização tem sido de extrema importância para o progresso da população, mas junto um grave dilema tem aparecido nos últimos tempos: até quando o mundo vai poder crescer e a sociedade se desenvolver sabendo que os recursos energéticos são finitos? Ainda mais que as pessoas utilizam-nos sem consciência.

O que é copel?

            A Copel, Companhia Paranaense de Energia, está no mercado há mais de 60 anos. Comprometida com o bem-estar e o desenvolvimento populacional, a Copel não busca apenas levar energia elétrica à população: traz o crescimento sócio-econômico junto com uma consciência ambiental e principalmente com um desenvolvimento sustentável.

Uso eficiente

            O uso racional da energia é um dilema que deve estar presente na vida das pessoas a todo instante. ar condicionado, geladeira, máquina de lavar roupas e televisão, são alguns dos eletrodomésticos que mais consomem energia em nossas residências. Além de oferecer à população um simulador de consumo online, a Copel, disponibiliza diversas orientações ao consumidor, para evitar o desperdício:

  • Existem pessoas, que precisam de uma claridade para pegarem no sono, evite o hábito de dormir com televisões ligadas;
  • Caso tenha em sua residência, ar condicionado, o local onde se encontra o aparelho deve ser muito bem vedado: portas e janelas devem sempre estarem fechadas quando ligado;
  • A máquina de lavar roupas é recomendado que se use sempre na capacidade máxima – para então diminui o número de lavagens e evitar o desperdício;

Alguém que prática o uso racional não é uma pessoa que deixa de usar os eletrodomésticos, mas sim aquele que utiliza da melhor forma. O que deve estar sempre na cabeça da população e o que a Copel busca mostrar aos seus consumidores diariamente é o uso sem desperdício. Por isso, antes de consumir enlouquecidamente algo veja se é realmente preciso.

Envio dos Estados Unidos

Fazer uma remessa dos Estados Unidos não é ciência de foguetes. Você só precisa estar ciente dos detalhes práticos e considerar os possíveis modos de transporte, a fim de obter seus bens em casa da melhor maneira, e a um custo mais razoável.

Abaixo, você encontrará um resumo dos principais fatores que fazem parte do processo de como importar dos Estados Unidos.


O meio de transporte é mais barato para você?


Suas duas opções quando você faz uma remessa dos Estados Unidos são frete marítimo e carga aérea. A decisão entre os dois depende basicamente de quão rápido você precisa para obter seus bens em casa e, claro, o preço que você está disposto a pagar.

como-importa-dos-eua

Posteriormente, a escolha da solução de transporte mais econômica dependerá, em grande parte, do local do fornecedor, do volume e do peso de sua mercadoria.


Mar ou carga aérea?


As distâncias dentro dos Estados Unidos podem ser muito grandes e o transporte local é relativamente caro. Portanto, se você estiver levando suas mercadorias para casa por via marítima e seu fornecedor residir no meio do país, por exemplo, Denver, Colorado, o transporte local até o porto mais próximo, em Los Angeles, pode se tornar muito caro devido à grandes distâncias nacionais.


O custo substancial do transporte doméstico de Denver para Los Angeles torna possível enviar seus produtos por carga aérea diretamente de Denver para a Espanha pelo mesmo preço ou talvez por um preço ainda mais baixo. No entanto, isso dependerá do volume e peso das mercadorias específicas.


Para o transporte de carga, você pode optar por enviar suas mercadorias como LCL (cargas parciais, também conhecidas como grupagem), o que significa que vários importadores compartilham um contêiner.

Como regra geral, isso faz sentido quando o volume de seus produtos é menor que 15m 3 (metro cúbico). Se você tiver mais de 15m 3, provavelmente é melhor usar um contêiner cheio para levar suas mercadorias para casa.


O limite de peso para frete marítimo é muito maior do que para frete aéreo. Portanto, o peso de sua mercadoria, na maioria dos casos, será irrelevante para o transporte marítimo. A menos, claro, você está importando bens muito pesados.


FOB ou EXW ao enviar dos Estados Unidos?


Não há dúvida de que os Estados Unidos têm uma magnitude completamente diferente da da Espanha. Portanto, a terra ou o transporte local nos Estados Unidos também é significativamente mais caro do que na Espanha. Portanto, o custo irá variar significativamente dependendo se o negócio é baseado em termos EXW ou FOB.

No entanto, no caso de remessas FOB – (free on board – significa que é obrigação do vendedor de suportar os custos e os custos de mobilização das mercadorias até o porto), é importante notar que a loja que são devidos a mercadoria pode ser vários quilômetros do porto. Nesse caso, você será responsável pelos custos do depósito até o porto de partida.


Devido a estas grandes distâncias, enviando dos Estados Unidos. muitas vezes é feito em termos EXW – (o vendedor entrega as mercadorias diretamente ao comprador em suas próprias instalações).

Esta é uma diferença significativa em relação à China, por exemplo, onde é comum negociar em termos FOB. Isso faz sentido, já que todas as fábricas historicamente foram construídas ao longo da costa em torno dos principais portos chineses.

Dito isto, é possível negociar em termos FOB quando o envio é feito a partir dos Estados Unidos. No entanto, você deve estar ciente de que nem todos os fornecedores nos Estados Unidos se responsabilizam pelos custos de transporte locais.


Se a negociação é feita em termos EXW, o que significa que você é responsável por todo o processo de envio da porta do seu fornecedor, então os custos de frete aéreo geralmente poderão competir com os custos de envio, contanto que seu os bens não excedem 2m 3 ou 300kg.

Por outro lado, se você é apenas responsável por transportar as suas mercadorias ao seu respectivo porto ou aeroporto transporte (FOB) deve ser inferior a 1m 3 ou 150 kg para ser uma solução razoável para realizar a sua casa mercadorias por via aérea.


Quais são os prazos?

como-importa-dos-eua


Como os Estados Unidos são um continente muito grande, o tempo de trânsito também varia de acordo com o local de origem das mercadorias no país. O transporte da costa leste provavelmente levará cerca de 3-4 semanas.

Enquanto você pode esperar um tempo de trânsito de 4-6 semanas a partir da costa oeste. Para frete aéreo você pode contar com 2-3 dias para os serviços mais caros e 10-12 dias para um transporte mais econômico.


Além disso, o transporte aéreo tem duas subcategorias: “Carga aérea padrão”, o que significa que suas mercadorias são embarcadas em um avião de passageiros regular e “serviços de correio”, que são aeronaves de carga dedicadas especializadas em mais remessas de pacotes.

Pequeno Estes serviços são sempre porta a porta e são operados por empresas de courier, como UPS, TNT e FedEx.


Mensageiro


Para aqueles que desejam fazer uso de um serviço de correio, é importante saber que há uma diferença significativa entre as taxas de correio padrão (disponíveis para todos) e as taxas negociadas disponíveis para clientes de grande escala.

Se você não tiver um contrato de tarifa com um mensageiro, poderá se beneficiar de passar por um agente de frete ou olhar diretamente para a página Transporte , onde poderá obter o desconto junto com o mesmo serviço rápido sem ter seu próprio contrato de tarifa.


Antes de começar a importar


Quando você, como empresa, deseja fazer uma remessa dos Estados Unidos, é imperativo que você se registre para obter um número EORI. Todas as empresas que desejam importar e exportar mercadorias dentro e fora da UE devem ter um número EORI.


É importante ter em mente que alguns produtos são restritos e exigem uma licença de importação (e exportação) também. As mercadorias que se enquadram nesta categoria são: bens militares, tecnologia, plantas e animais, obras de arte, produtos químicos e medicamentos.


Importe o direito e o IVA para envio dos Estados Unidos


Ao importar mercadorias dos Estados Unidos ou de qualquer outro país não pertencente à UE, você está sujeito à regulamentação alfandegária, que exige que seus bens sejam declarados ao entrar na Espanha, independentemente de seu valor.

Isso também significa que você precisa pagar impostos sobre seus produtos importados. O montante depende da classificação das mercadorias sob a tarifa comercial da Espanha.


Recomendamos que você, como importador de mercadorias novas, entre em contato com a agência fiscal que é a autoridade de impostos, pagamentos e alfândega da Espanha, para ver se há restrições nas regras alfandegárias em relação ao artigo específico antes de reservar seu primeiro produto.

Expedição Normalmente, não haverá problemas, mas pode ser uma boa ideia revisá-lo para evitar custos inesperados.


Lembre-se de que a alfândega não liberará seus produtos até que você tenha pago o imposto e o IVA exigido em sua mercadoria.
Se o preço do frete não for divulgado separadamente, as autoridades alfandegárias da Espanha provavelmente adicionarão um valor estimado ao cálculo total da alfândega.

Se você está negociando em termos de CFR, CIF ou DAP, o que significa que seu fornecedor dos EUA é responsável pelos custos de envio, lembre-se de que o frete deve ser anotado separadamente na fatura, caso contrário Pode ser cobrado pelo imposto de importação duas vezes.


IVA


O IVA sobre suas mercadorias importadas também deve ser pago diretamente à agência fiscal. E o cálculo é baseado no valor das mercadorias, conforme indicado na fatura comercial + custos de transporte (+ um potencial seguro de transporte). Como o frete dentro e fora da União Europeia não está sujeito ao IVA, você não deve pagar o IVA em relação ao frete quando fizer uma remessa dos Estados Unidos.


IVA americano


É importante ter em mente que os preços nos EUA são normalmente cotados sem IVA (imposto sobre vendas). O imposto específico depende de qual estado ele é.

Uma rápida pesquisa no Google pode fornecer informações fiscais adicionais para cada estado. Se você se importa como um negócio, certifique-se de que seu provedor não cobra impostos.

Se isso acontecer, nossa experiência é que pode ser muito difícil obter o reembolso.


Exemplos de preços


Em seguida, listamos alguns exemplos de preços de importação com frete dos Estados Unidos. Os exemplos consistem em vários modos de transporte para dar uma ideia da solução que melhor se adapta a você.

Tenha em mente que os preços são indicativos, uma vez que eles mudam com os preços do petróleo, as taxas de câmbio e a situação geral da concorrência no mercado em questão.


Responsabilidade dos transportadores


Independentemente do local onde você está importando seus produtos, qualquer transportadora tem responsabilidade limitada pelas convenções internacionais que especificam as seguintes limitações de responsabilidade.


⦁ Transporte marítimo: EUR 1,80 por kg por pacote.
⦁ Frete aéreo: 18 euros por kg
⦁ Transporte por estrada: EUR 8,50 por. kg

Isso significa que no infeliz caso de seus bens serem danificados ou perdidos durante o trânsito, as transportadoras serão responsáveis ​​apenas por compensá-lo em relação aos valores acima.


Quais são os custos de seguro quando você envia dos Estados Unidos?


O custo do seguro é baseado no valor de seus bens + custos de transporte. Em seguida, o sistema calculará automaticamente o preço do seguro.

Se o valor total não exceder 12.000 euros, custará apenas entre 25 e 90 euros para adicionar seguro. Se o valor total for superior a EUR 12.000, o custo do seguro é calculado da seguinte forma: 0.70% x valor.

IPVA São Paulo SP: consulte seu IPVA em São Paulo SP

Se você tem dúvidas sobre consultar seu IPVA SP, este artigo vai ajudar.

O Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores, conhecido como IPVA, é obrigatório a todos os motoristas e deve ser pago anualmente. O não pagamento resulta em multas e até perda do veículo.

Para quem reside em São Paulo, o IPVA SP funciona do mesmo modo, visto que o imposto está presente em todo território brasileiro.

Para entender o funcionamento e como consultar o IPVA São Paulo, continue em nosso artigo.

IPVA – para que serve?

O IPVA é um imposto que deve ser pago junto ao DPVAT (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre) e o Licenciamento.

Os valores arrecadados são investidos no Estado onde o carro está licenciado, no FUNDEB e em outras áreas, como a saúde e segurança.

Portanto, é preciso pagar o IPVA SP se não quiser sofrer multa, ter o nome inscrito na dívida ativa ou perder o licenciamento. A perda do veículo ocorre se o motorista for flagrado dirigindo sem o documento do licenciamento.

Como consultar o IPVA SP?

Para ficar por dentro dos débitos do IPVA em São Paulo, se há multas de trânsito ou se informar das taxas de licenciamento, acesse o site. Em seguida, vai aparecer um mapa do Brasil. Clique no Estado de SP no mapa.

Na página que abre, você terá acesso ao calendário de vencimento do IPVA SP, as regras de emissão da Guia de Pagamento e o link para consultas.

Ao clicar no link do final da página, você será levado à consulta aoIPVA de São Paulo.

No site governamental, escolha “consultar” em Consulta de Débitos do Veículo. Tudo o que você precisa agora é indicar o número do Renavam, da placa do carro e, por fim, o código CAPTCHA que aparece na tela.

Ficou fácil consultar o IPVA SP e não correr o risco de sofrer as consequências em São Paulo pelo não pagamento, não é?

Imobiliaria Capão da Canoa: Qual é a melhor imobiliaria?

Imobiliaria Capão da Canoa é um dos temas que mais geram debates na cidade. Qual é a melhor imobiliaria de capão da canoa?

Em uma cidade que conta com mais de 100 imobiliárias, é muito difícil tração um parâmetro e dizer com certeza qual é a melhor imobiliária.

Lá temos imobiliárias que cuidam de imóveis de baixo padrão ao mais luxuoso bem da cidade.

Diversas celebridades tem sua mansão em Capão da Canoa, uma delas é o técnico e ex jogador Paulo Sérgio Carpegianni.

Capão da Canoa é uma cidade bem pacata e estruturada, por conta disso, os gaúchos sempre procuram o balneário.

Vale lembrar que nem sempre são os gaúchos que frequentam a cidade, temos muitos argentinos e uruguaios além dos catarinenses.