A sustentabilidade da consultoria ambiental: desafios futuros

A sustentabilidade da consultoria ambiental: desafios futuros

Já que a consultoria ambiental começou a proliferar como profissão no final dos anos. XX, o setor tem sido obrigado a modificar continuamente sua estratégia e perspectivas futuras. A necessidade de adaptação à conjuntura socioeconômica, jurídica e comercial continua sendo sua principal ameaça, além de fonte de novas oportunidades de negócios.

UM POUCO DE HISTÓRIA

Na década de 1960, em decorrência de alguns cenários de poluição em larga escala e diversas crises ambientais, a semente da consciência ambiental, a preocupação com os impactos no meio ambiente natural e a demanda por produtos mais respeitadores do nosso meio ambiente foram implantadas no pós- sociedade industrial ambiente.

Na Espanha, só no final dos anos 90 é que esses primeiros passos começam a se concretizar. A proliferação de regulamentações ambientais, praticamente sem precedentes até a segunda metade da década de 1980, e as novas regulamentações de gestão ambiental estão se tornando mais comuns na linguagem empresarial. As grandes empresas decidem então começar a trabalhar com seus relatórios ambientais (que hoje evoluíram para relatórios de sustentabilidade ou responsabilidade social corporativa), sendo o último ingrediente para o setor dar os primeiros passos.

No final do s. XX, surge também o catalisador que faz da consultoria ambiental um campo de interesse de muitos profissionais: o boom da engenharia civil. Centenas de projetos de estradas, linhas de alta velocidade, aeroportos, energias renováveis, linhas de transmissão, urbanizações, parques industriais e gasodutos, entre outros, bem como suas respectivas fases de obra, que fazem com que o número de consultorias ambientais aumente exponencialmente, em Espanha, por vezes associada a estudos de engenharia e / ou topografia.

Por mais de uma década, o setor sofreu seu esplendor e motivou o surgimento de diplomas universitários especializados e inúmeros cursos, mestrados, fóruns, eventos, etc. O número de profissionais cresce e surge a diversificação.

Porém, é a partir da segunda década dos anos. XXI, arrastado pela crise econômica mundial, a queda nas licitações públicas, a paralisação das obras civis e energias renováveis, e a perda de valor das empresas no monitoramento de seus impactos ambientais, o que provoca uma queda drástica do setor e um número indeterminado de profissionais forçados a reciclar.

SITUAÇÃO ATUAL

A crise da consultoria ambiental ocorrida nos últimos anos, paralela à vivida por muitos outros ramos, tem levado ao aparecimento de profundas mudanças no modelo de produção do setor. A estagnação e a baixa inovação que muitos profissionais e empresas ambientais estavam começando a experimentar, está dando lugar a uma nova forma de fazer as coisas. 

A consolidação social e empresarial das preocupações com as alterações climáticas, o marketing verde e, em geral, tudo o que está associado ao prefixo eco- (e as ameaças que isso acarreta), bem como a integração do negócio nas redes sociais, são novos vetores de desenvolvimento que estão modificando o que já existe.

O paradigma atual é de convivência entre as antigas consultorias, muitas delas lutando para sobreviver ao turbilhão do mundo 2.0 e tentando manter em suspense sua forma de fazer as coisas, com novos projetos de negócios que buscam se firmar no mercado, como Uma vez supersaturada, por sua capacidade de inovação.

Nessa guerra metodológica, a grande oportunidade do setor parece estar no surgimento de novas preocupações sociais para o consumo ambientalmente responsável e na consolidação de velhos conhecidos como as mudanças climáticas. 

Além disso, a análise do ciclo de vida ao longo da cadeia de valor dos produtos comercializados pelas empresas (rastreabilidade ambiental), a economia circular e a componente ambiental associada à responsabilidade social corporativa, parece que serão também uma fonte de projetos interessantes e áreas de estudo. Tudo isso sem esquecer a parte mais tradicional, que sem dúvida continuará a ser fonte de negócios, principalmente quando associada ao compliance legal.

OPORTUNIDADES E AMEAÇAS

Sem dúvida, as grandes ameaças a este setor continuarão a vir na forma de uma crise socioeconômica global. Por um lado, a falta de consciência empresarial das vantagens a médio longo prazo de respeitar o ambiente para a sua sustentabilidade e, por outro lado, a concorrência desleal que algumas consultorias oferecem para desacreditar o seu próprio sector, constituem ameaças prioritárias.

Relativamente a este último caso, importa referir que a política de preços baixos que algumas consultorias ambientais têm vindo a oferecer nos últimos anos não lhes trouxe os benefícios que esperavam. Nunca foi uma boa estratégia baixar os preços, pois sempre há alguém que pode se ajustar mais, principalmente quando o setor está sofrendo uma fragmentação em profissionais autônomos. Do meu ponto de vista, investir em especialização e capacidade de inovação permanente, adaptando-se rapidamente às necessidades do cliente, traz melhores resultados.

Nesse mesmo sentido, é onde aparecem as grandes oportunidades. O setor continuará inevitavelmente a experimentar o desaparecimento de empresas, antigas e novas, geralmente após optarem pela estratégia errada. E será isso que abrirá a oportunidade para novos profissionais prestarem seus serviços e contribuírem para um mundo profissional que, sem dúvida, passa por uma grande mudança global que ultrapassa o mero setor ambiental.

CAMPOS DE CONSULTORIA AMBIENTAL

Pensamos que algumas das principais áreas em que as necessidades deste setor se concentrarão são as seguintes:

  • Treinamento ambiental
  • Análise do Ciclo de Vida
  • Certificação energética
  • Prevenção de riscos profissionais
  • Sistemas de gestão ambiental (EMAS, ISO 14001)
  • Estudos de impacto ambiental e avaliação ambiental estratégica
  • Estudos de impacto da paisagem
  • Estudos de fauna, flora, habitats, áreas protegidas …
  • Cálculo da pegada de carbono e pegada hídrica
  • Análise de águas, atmosfera
  • Estudos de ruído
  • Análise de solos contaminados
  • Caracterização de resíduos
  • Modelagem de poluição
  • Estudos de minimização de resíduos
  • Planos de vigilância ambiental
  • Autorizações ambientais integradas
  • Due diligence
  • Planos de mobilidade
  • Auditorias ambientais
  • Topografia
  • Sistemas de Informação Geográfica
  • ambiente marinho
  • Analise de riscos
  • Educação ambiental
  • Turismo rural e ecoturismo
  • Planos de Responsabilidade Ambiental
  • Gestão de locais de caça

Planos de prevenção de incêndio

Como funciona a Jornada de trabalho intermitente?

Como funciona a Jornada de trabalho intermitente?

As Leis do Trabalho no Brasil foram protocoladas no ano de 1943, passando desde então por várias transformações, antes do período da ditadura e após 1987, quando juntamente da Reabertura Democrática, a Reforma Trabalhista foi implantada.

Recentemente nos tivemos a legalização do trabalho intermitente. Vamos te explicar ao longo deste artigo como funciona a jornada de trabalho intermitente e quais os benefícios dessa relação trabalhista.

O que é o trabalho intermitente?

O conceito de trabalho intermitente está previsto em lei, de acordo com o artigo 443 da CLT, no terceiro parágrafo, que contém o seguinte trecho:

“ Considera-se como trabalho intermitente o contrato de trabalho no qual a prestação de serviços, com subordinação não é continua ocorrendo com alternância de períodos de prestação de serviços e inatividade, determinados em horas, dias ou meses, independentemente do tipo de atividade do empregado e do empregador, exceto para os aeronautas, regidos por legislação prévia”.

O regime de trabalho intermitente é um modelo de contrato trabalhista no qual o colaborador tem a possibilidade de realizar atividades de maneira esporádica, com intervalos de trabalho intercalados com período de inatividade.

Carga horária do trabalho intermitente

Desde que tivemos a criação do regime de trabalho intermitente, uma das maiores mudanças, condiz em relação as horas trabalhadas pelo colaborador.

Antigamente segundo a legislação brasileira, a exigência era de pelo menos 30 horas semanais. Contudo com a nova legislação, agora não existe um limite para trabalho no regime de trabalho intermitente, dando assim mais liberdade para que o prestador e tomador de serviço tomem decisões referentes ao tempo do trabalho e valores.

Forma de pagamento ao trabalhador intermitente

É importante saber como será feito o pagamento do trabalhador intermitente. A empresa precisará pagar o seu colaborador imediatamente, sendo que o pagamento deve incluir outros benefícios além dos horários de trabalho. Confira:

  • Férias proporcionais com o acréscimo de até um terço;
  • Repouso semanal remunerado, que corresponde ao domingo ou ao dia de folga;
  • Se for o caso, cobrir os adicionais de insalubridade e periculosidade;

Muitos trabalhadores intermitentes não sabem, mas eles têm direito ao décimo terceiro salário. No caso de haver uma rescisão de contrato, o funcionário terá direito ao décimo terceiro salário referente ao período de trabalho.

Junto de seu pagamento, o colaborador irá receber um recibo, onde estarão discriminados todos os valores relativos à sua remuneração.

Maiores benefícios do contrato intermitente

Ao contrário do que muitos pensam, o trabalhador intermitente tem direito a diversos benefícios laborais. Muitos deles estão inclusos no regime CLT. Desde a Reforma Trabalhista, tivemos uma popularização do trabalho intermitente a âmbito nacional, por conta da sua flexibilidade.

Dentro os benefícios que estão previstos na regulamentação, está o direito ao recebimento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, devendo este ser depositado na Caixa Econômica Federal, no qual conste o nome do beneficiário.

O trabalhador intermitente tem direito de ser representado pelos sindicatos de sua categoria. O sindicato poderá o representar em situações jurídicas, caso seja necessário.

Impactos do regime para contratações

Com a Reforma Trabalhista, passamos a ter o Instituto do Trabalho Intermitente. Esse novo modelo de contratação foi criado para permitir um regime de trabalho flexível, aumentando assim a admissão formal.

Mesmo com a regulamentação, o trabalho intermitente conta com uma série de benefícios. Desde já, contribui para a geração de empregos no Brasil.

O contrato intermitente é muito benéfico principalmente quando o empregador precisa substituir um profissional por um tempo indeterminado. O contrato intermitente é positivo em diversas situações, sendo recomendado em um país com tantas burocracias como o Brasil.

Imóvel mobiliado ou vazio? Qual a melhor escolha?

imóvel mobiliado

Por que adquirir um imóvel mobiliado ou vazio? Avaliar a condição do imóvel na hora da compra ou da locação é importante para definir o perfil do imóvel.

Com ou sem mobília, eles podem apresentar diferentes vantagens de acordo com os seus objetivos, preferências, tempo de permanência, disposição para montar a decoração, dentre outros.

Enfim, isso impacta diretamente também no valor que se pretende investir, haja vista a necessidade de se gastar com reformas ou não.

Vale destacar que importante não ser totalmente influenciado por uma bela decoração na tomada de decisão sobre os apartamentos no Batel.

Esta oferta de imóveis mobiliados, independente se é para locação ou venda, em detrimento dos imóveis que estão completamente vazios, varia de imobiliária para imobiliária.

No Brasil, os imóveis vazios são mais comuns, por tradição e cultura dos próprios brasileiros que gostam de deixar o imóvel ao seu gosto. Já na Europa, é muito frequente encontrar casas e apartamentos decorados e equipados que não exijam toda aquela função de mudança nem dor de cabeça por parte dos inquilinos.

Assim, eles dispõe de maior comodidade e facilidade precisando levar nada além dos bens pessoais.

Na Espanha, por exemplo, onde a família leva consigo apenas seus objetos pessoais para a nova residência, este pode ser o ponto chave na decisão do modelo de imóvel adequado.

Mesmo não sendo cultural no Brasil, tem-se verificado uma boa procura nos últimos anos pelos imóveis equipados, sendo preferência dos recém-casados, estudantes de outras regiões e profissionais que sempre estão viajando a trabalho e costumam passar temporadas em outras regiões, propensos à transferência de cidades e estados.

Mesmo que os imóveis mobiliados que já estejam com eletrodomésticos e eletroeletrônicos inclusos tenham um acréscimo de 10% e 20% em relação aos imóveis vazios, esse valor pode valer a pena para aqueles compradores que buscam praticidade, comodidade e querem economizar tempo.

Benefícios da mobília

Os móveis planejados geralmente costumam valorizar mais os imóveis a medida que permitem visualizar com mais facilidade o tamanho dos cômodos e ter uma noção melhor do aproveitamento dos espaços, percepção que pode ficar prejudicada no caso de apartamentos ou casas completamente vazias.

Essa noção do espaço disponível nos apartamentos pode representar uma vantagem competitiva na hora da escolha, pois grande parte das pessoas às vezes nem tem discernimento sobre o que realmente pretendem desenvolver no espaço.

Assim, um espaço aparentemente pequeno e sem muito potencial pode se transformar numa sala muito útil depois de mobiliada da forma correta e com as estratégias de decoração que possibilitam deixá-la mais ampla e aberta. A visualização da disposição dos móveis pelos clientes na hora da visita apresenta todo o potencial do espaço e essa sensação de maior ganho.

Essa estratégia de mobília é muito vantajosa para quem vende, pois a decoração encanta e induz o cliente a aquisição, diante das inúmeras possibilidades de otimização do espaço que se apresentam.

Essas ideias que surgem diante de um planejamento prévio dão uma referência do que aquele espaço pode ser ou se transformar, ficando mais fácil decidir o que você realmente quer.

Porém, neste processo, vale destacar que é imprescindível ter conhecimento dessas técnicas de persuasão tomando muito cuidado para não ser influenciado e se deixar levar por uma decoração incompatível com suas preferências, agindo por total ímpeto e se arrependendo das escolhas erradas futuramente, haja vista que os móveis disponíveis no momento da visita, provavelmente, não estarão inclusos na negociação.

Vantagens do Imóvel Vazio

Uma dos pontos que podem desvalorizar os imóveis vazios é a falsa sensação de que eles parecem ser menores do que realmente são, haja vista que estamos habituados a visualizar diretamente os ângulos, como se nossa percepção levasse à tentativa de montar o quebra-cabeças ângulo x móveis.

Desta forma, a visibilidade do espaço fica prejudicada pois não temos referência alguma de como ele ficaria montado.

Porém, para quem prefere, eles podem também trazer inúmeros benefícios na aquisição, pois permitem várias possibilidades de uso.

Além disso, temos: possibilidade de refletir sobre a sua própria decoração, a disposição dos móveis sem a influência de “obstáculos” visuais, possibilidade de reaproveitamento de uma mobília anterior que você já tenha, chance de montar tudo ao seu gosto e até mesmo economizar com móveis mais simples e customizados que podem representar uma queda considerável no valor total do bem.

Vale considerar a importância de saber com antecedência tudo que você pretende otimizar com relação aos móveis, tendo em mente que você não está comprando a mobília. Esta pertence ao proprietário e não pode ser um fator decisivo na sua transação.

Esteja atento ao real potencial do imóvel tentando lançar sobre ele a sua decoração, mesmo que pareça menor e necessite trocar por outros móveis, ainda que isso demore um pouco.

Fique atento a algumas técnicas que podem ter sido utilizadas pelos proprietários para criar outras sensações sobre os ambientes para deixá-los mais agradáveis e espaçosos como uma parede espelhada, móveis “transparentes” e mais claros como cadeiras de acrílico, mesa de vidro que dão uma percepção de melhor aproveitamento do espaço e pinturas mais clean.

Estas técnicas dão a falsa ideia do imóvel estar pronto sem a necessidade de idealizar grandes ajustes e benfeitorias.

Gostou do nosso artigo e quer saber mais sobre o assunto? Então não deixe de seguir nossas redes sociais e acompanhar nossos conteúdos.

Como melhorar no futebol, 10 dicas eficazes

Como melhorar no futebol, 10 dicas eficazes

Certamente, quando você assiste a um jogo de futebol, seja na televisão ou no campo, você fica apaixonado por assistir as estrelas dos times jogarem, desejando que você pudesse ser pelo menos metade tão bom quanto eles. Para isso, é necessário muito trabalho, esforço e vontade de se aprimorar a cada dia, além dos conselhos que a seguir daremos para se aprimorar neste esporte.

Confira os gols do galo em 2020 – Futeblog dando todas a noticias no futebol para você

Time esportivo

Uma das primeiras premissas que você deve ter em mente é que o futebol é um esporte coletivo no qual seus companheiros também contam. Se você quiser ter a opção de receber mais a bola, deve repassá-la para outras pessoas para que haja maior mobilidade da bola

Saber disso o ajudará a ocupar seu lugar no campo e que o resto também o identificará naquele lugar. Embora você possa pensar que esse não é o caso, um jogo é vencido por uma equipe e não apenas por um jogador individual.

Mobilidade da bola

Intimamente relacionado ao ponto anterior é que você deve mover muito a bola. É verdade que há equipas que jogam contra-ataque, mas como regra geral a melhor forma de jogar é movendo a bola de um lado para o outro do campo. 

Esta ação afetará diretamente a sua energia física, pois ao receber uma bola e caminhar muitos metros com ela, seu corpo se sente mais cansado do que sem a bola, esgotando você em menos do que o esperado e possibilitando que os rivais percebam Além disso, é claro, o treinador vê que você não está desempenhando o suficiente e o senta no banco.

Leia a peça

Quando você assiste a um jogo de futebol, você se sente como um treinador, ordenando mentalmente a um jogador que se desloque para tal lugar para ficar livre de defesas e assim passar a bola para você escapar e marcar. Isso é exatamente o que você deve fazer quando estiver jogando. Você deve ler a peça, se você está defendendo ou atacando. 

Se você for rápido, será capaz de interceptar muitas bolas de seus rivais que podem ir para o gol ou ajudar a se desmarcar para conseguir um gol. Velocidade e energia neste aspecto é fundamental, treine e gaste na partida apenas o suficiente para durar os 90 minutos.

Pressão

Se o adversário estiver com a bola, é possível avançar para o gol e fazer um gol. O que se deve fazer sempre é pressionar, para que o rival não veja brechas na defesa e seja difícil ou impossível para ele combinar com um companheiro, esse estresse que supõe uma pressão perfeita causa erros e falhas, que você pode usar mais tarde para criar um contra-ataque.

Mudanças de ritmo

Se você sempre fizer o mesmo, no final você tornará as coisas muito fáceis para seus rivais. Faça movimentos que seus oponentes não estão esperando, como mudanças de ritmo, ou passes para as costas do defensor, isso por um lado vai surpreender o oponente, mas acima de tudo vai cansá-lo muito mais e não só fisicamente mas também mentalmente porque eles vão veja que não podem ler as jogadas dos seus companheiros e das suas.

Tocando para as bandas

É muito comum você procurar sempre o centro do campo por achar que é mais direto para chegar ao gol, o problema com isso é que no final todos os jogadores se concentram naquela área para te cortar. Se você joga pelas alas, pode até passar de uma banda para outra , liberando espaços e facilitando o avanço do ataque. Além disso, se você treinar os centros, pode ganhar muito destaque.

Triangulando

Quando o treinador te coloca para jogar com o rato, não é que ele queira perder tempo, mas o que ele está procurando é que você saiba jogar com os companheiros que estão perto de você dando passes muito rápidos que farão o oponentes tontos. 

Quando você tem confiança suficiente com seus companheiros de equipe e sabe ler suas jogadas, você pode confundir completamente seu adversário e chegar ao gol mais facilmente desta forma.

Sempre alerta

São muitos jogos que se perderam nos últimos minutos, por mais que você esteja ganhando, lembre-se que o jogo dura até o apito apito e, portanto, não comemore nem abaixe os braços até que isso aconteça, pois eles podem te pegar facilmente um ou dois objetivos sem pensar.

Ajude e dê tudo de si

Se você é atacante, é verdade que sua posição é fazer gols , mas se toda a equipe está defendendo, fica muito ruim na cara de todos os seus companheiros e também do treinador que você fique de braços cruzados. Ataque e defenda, lute todas as bolas, faça com que as pessoas notem você e seja um exemplo para seus companheiros.

Conheça seus colegas

Para ser o melhor no futebol, você não só precisa pensar em si mesmo, mas também nos seus companheiros de equipe, pois reconhecer na posição que eles jogam, seus pontos fortes e fracos o ajudará a saber com quem contar o tempo todo e o ajudará a criar um jogo mais rápido e com mais eficiência.

Problemas de coluna e seus respectivos tratamentos

Problemas de coluna e seus respectivos tratamentos

Tratamento de disco deslizado (hérnia)

Se você suspeitar que um disco espinhal se rompeu, você deve consultar o seu médico para um diagnóstico. Seu médico desejará saber seu histórico médico e realizará um exame físico.

Se o seu médico suspeitar de uma hérnia de disco, ele pode fazer um acompanhamento com uma ressonância magnética para confirmar.

O tratamento pode envolver uma abordagem combinada com medicamentos e repouso. O descanso é importante, pois o uso excessivo das áreas afetadas pode causar o retorno da dor. Quando você se mover, tente fazer seus movimentos lentos e controlados.

Isso é especialmente verdadeiro quando você precisa levantar algo ou se curvar. Enquanto descansar a área é fundamental, você deve evitar ficar sentado por longos períodos. Seu médico pode recomendar caminhadas curtas. A tração também pode ser usada.

A medicina pode variar de analgésicos de venda livre a relaxantes musculares prescritos e remédios para dor. Converse com seu médico para encontrar a combinação que funciona melhor para você.

Embora a cirurgia geralmente não seja necessária, algumas pessoas com hérnia de disco precisarão ser operadas. Isso geralmente é recomendado apenas depois que outros procedimentos não conseguiram aliviar os sintomas.

A cirurgia é chamada de discectomia e fusão. Nesse procedimento, todo o disco é removido e o osso é fundido em seu lugar.

É estenose espinhal cervical?

A estenose espinhal refere-se a um estreitamento da coluna que comprime os nervos vulneráveis dentro e ao redor da medula espinhal. Quando isso ocorre no pescoço, é chamado de estenose cervical.

Conforme você envelhece, o risco de desenvolver estenose espinhal aumenta; o envelhecimento pode causar esporões ósseos que estreitam a coluna vertebral. Raramente as pessoas com menos de 50 anos desenvolvem essa condição e, quando o fazem, geralmente é o resultado de uma lesão.

Quando você tem dor no pescoço, é mais comumente devido à degeneração da coluna. A estenose é uma das consequências mais graves. A dor no pescoço é apenas um dos sintomas. Você também pode descobrir que suas pernas estão fracas e pode perder o controle de seus movimentos, dificultando a marcha.

Você pode descobrir que seus braços ou pernas ficam dormentes. Você também pode perder seu “senso de posição”, que é o senso inato de onde seus membros estão quando seus olhos estão fechados.

Tratamento médico para estenose espinhal cervical

A estenose cervical deve ser tratada por um médico. Ao se preparar para a consulta médica, pense na dor no pescoço e em outros sintomas. Quando eles começaram? Como é a dor? Com que frequência você sente essa dor?

O que você está fazendo quando sente seus sintomas? Pense também em qualquer problema de saúde que possa estar relacionado, como problemas nos braços, pernas ou controle do intestino ou da bexiga.

Depois de revisar seu histórico médico e fazer um exame físico, seu médico pode tirar imagens de sua coluna por meio de ressonância magnética ou raio-x. Uma vez feito o diagnóstico, a cirurgia costuma ser a melhor opção.

Existem vários tipos de cirurgia disponíveis para essa condição, e você vai querer discutir suas opções com seu médico.

Dor no pescoço e esporas ósseas

Os esporões ósseos são crescimentos lisos que se desenvolvem com a idade. Eles se desenvolvem à medida que seus discos espinhais se desgastam, fazendo com que os ligamentos que os mantêm unidos se soltem.

Esse desgaste pode ser o efeito natural do envelhecimento, mas também pode ser acelerado pela artrite. A osteoartrite é a principal causa de esporões ósseos.

À medida que seus ligamentos se afrouxam, eles podem compensar a instabilidade que isso causa, engrossando.

Ligamentos espessados podem começar a formar um novo osso que exerce pressão sobre os nervos espinhais. Essas esporas ósseas podem causar dor nas articulações e nos músculos do pescoço, bem como inflamação.

Uma alimentação saudável beneficia a sua saúde e retira a sua dor enquanto lhe ajuda a emagrecer, assim como detox caps para perder barriga faz, limpando seu organismo de toxinas e oxidantes desnecessários enquanto diminui seu peso na balança.

E o melhor de tudo isso é que não existem efeitos colaterais, justamente por se tratar de um produto 100% natural. Vale a pena conhecer!

E então, ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje?

Conte a nós, comente abaixo!

Até a próxima!

Cirurgia de joelho: da estadia no hospital até a total recuperação

Cirurgia de joelho: da estadia no hospital até a total recuperação

Sua estadia no hospital

A maioria das pessoas passa várias noites no hospital após a cirurgia de substituição do joelho. Você vai tomar um remédio para dor. Você deve tentar mover sua perna logo depois. A movimentação aumenta o fluxo sanguíneo para os músculos das pernas e pode ajudar a reduzir o inchaço.

De volta em casa

Ao voltar do hospital para casa, você deve conseguir andar com muletas ou andador. Mas você pode precisar de ajuda para tomar banho, cozinhar e realizar tarefas domésticas nas primeiras 3 a 6 semanas. Se você mora sozinho, pode querer ficar em um centro de reabilitação até que possa fazer as atividades diárias sozinho.

Continue em frente

Para aproveitar ao máximo o seu novo joelho, você deve seguir as instruções do seu médico sobre estar ativo nas semanas após a cirurgia. Muito descanso pode retardar sua recuperação, mas você também não quer exagerar. Concentre-se em mover-se pela casa, fazer caminhadas e fazer os exercícios sugeridos pelo seu fisioterapeuta.

Fisioterapia

A fisioterapia para substituição do joelho inclui exercícios para flexibilidade e força. Você pode fazer esses exercícios em um centro de fisioterapia ou em casa, mas certifique-se de perguntar ao terapeuta como fazê-los da maneira certa. Você deve mantê-los durante o tempo que seu médico recomendar, geralmente pelo menos 2 meses após a cirurgia.

Quanto tempo dura a recuperação?

Todos os pacientes curam da cirurgia em seu próprio ritmo. O seu médico irá informá-lo quando for seguro voltar às suas atividades normais. Aqui estão algumas diretrizes:
  • Tarefas domésticas: 3-6 semanas
  • Sexo: 4-6 semanas
  • Trabalho: 6-8 semanas
  • Natação: 6-8 semanas
  • Condução: 6-8 semanas para o joelho direito. (Você poderá dirigir depois de uma semana se o joelho esquerdo for substituído.)

Riscos da cirurgia

A substituição do joelho é segura para a maioria das pessoas, mas toda cirurgia tem riscos, incluindo:
  • Uma cicatriz que não é atraente ou dolorida
  • Uma infecção ou sangramento intenso
  • Um coágulo de sangue na perna

Prevenção de coágulos sanguíneos

Os coágulos sanguíneos na panturrilha ou na coxa podem ocorrer após uma cirurgia no joelho. Um coágulo pode ser fatal se se romper e atingir os pulmões. O seu médico irá ajudá-lo a tomar medidas para evitar a formação de coágulos sanguíneos. Mangueiras de suporte, dispositivos de compressão e anticoagulantes podem reduzir o risco de coágulos. Os movimentos do pé e tornozelo também ajudam, por isso é importante movimentar-se assim que receber sinal verde do médico.

Quando procurar atendimento de emergência

Os sinais de alerta de um coágulo sanguíneo nos pulmões (denominado embolia pulmonar) incluem falta de ar repentina, dor no peito e tosse. Os sinais de infecção incluem febre, aumento da vermelhidão ou dor no joelho e pus drenando da ferida cirúrgica. Se você sentir ou ver algum desses sintomas após a substituição do joelho, chame seu médico imediatamente.

Problemas com implantes de joelho

Os implantes de joelho continuam a ficar mais sofisticados, mas não são perfeitos. Eles podem se desgastar com o tempo ou podem se soltar do osso. O tecido cicatricial pode crescer ao redor de um implante, limitando sua amplitude de movimento. E mesmo quando funcionam bem, os implantes podem causar um som de clique quando o joelho se dobra para frente e para trás.

Protegendo Seu Implante de Joelho

Você pode estender a vida útil do implante de joelho fazendo várias coisas. Após a cirurgia, use uma bengala ou andador até que o equilíbrio melhore – cair pode causar sérios danos a uma nova articulação. Os exercícios de alto impacto também podem prejudicar os implantes nos joelhos, por isso a maioria dos médicos adverte contra correr, pular e praticar esportes de contato.

Perspectiva para substituição do joelho

Embora algumas atividades estejam fora dos limites após uma substituição do joelho, você ainda tem muitas outras para escolher. Caminhadas ilimitadas, golfe, caminhadas leves, ciclismo, dança de salão e natação são seguros para a maioria das pessoas com implantes nos joelhos. Seguindo as orientações do seu médico, você pode esperar resultados duradouros – cerca de 85% das substituições de joelho duram 20 anos. Uma alimentação saudável beneficia a sua saúde e retira a sua dor enquanto lhe ajuda a emagrecer, assim como detox caps para perder barriga faz, limpando seu organismo de toxinas e oxidantes desnecessários enquanto diminui seu peso na balança. E o melhor de tudo isso é que não existem efeitos colaterais, justamente por se tratar de um produto 100% natural. Vale a pena conhecer! E então, ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje? Conte a nós, comente abaixo! Até a próxima!

TRUQUES PARA DECORAR LOJAS DE PRODUTOS NATURAIS

TRUQUES PARA DECORAR LOJAS DE PRODUTOS NATURAIS

Hoje em dia, parece que tudo de natural está na moda e os negócios que incorporam essa filosofia estão dando certo, tanto nas grandes quanto nas pequenas cidades. Seja de alimentos orgânicos a cosméticos naturais. O natural se espalhou por muitas áreas e o número de lojas de produtos naturais está crescendo consideravelmente. E é que os consumidores estão cada vez mais em busca de recursos naturais para poder ter uma experiência única.

Sem dúvida, esta tendência também se estendeu ao campo da decoração de lojas. Os usuários desejam fazer compras em lojas com espaços agradáveis, com uma imagem saudável e conectada com a natureza. É por isso que queremos dar-lhe algumas dicas de decoração para lojas , para que o seu negócio de produtos naturais não passe despercebido.

Compre agora os melhores Manequins para a decoração da sua loja.

Identifique o tipo de negócio 

Em primeiro lugar, primeiro é identificar o tipo de negócio. Existem muitas lojas de produtos naturais, mas não é a mesma coisa decorar uma loja de produtos ecológicos do que uma loja de cosméticos naturais, já que nem a iluminação nem os móveis serão iguais.

 Se você está pensando em montar uma loja de alimentos naturais, depende da origem, será importante que eles tenham uma câmara fria. Enquanto as lojas de cosméticos ou outros produtos, com um espaço que funcione como armazém será suficiente. Por isso é tão importante ter clareza sobre o tipo de negócio, para aproveitar ao máximo o espaço que temos com os móveis mais adequados para as lojas.

Como decorar uma loja de produtos naturais 

A decoração é um pilar fundamental em qualquer negócio, e as lojas de produtos naturais não são exceção. Portanto, siga nosso conselho que vamos te dar alguns truques para saber como decorar uma loja com essas características.

Uma decoração original que possa contar à primeira vista a história do nosso comércio, será sempre um diferencial. Mas, neste caso, não podemos esquecer que estamos falando de negócios de produtos naturais. Portanto, é isso que deve ser transmitido com a nossa decoração.

Móveis de madeira maciça

Nesse sentido, aconselhamos a utilização de móveis de madeira maciça , pois serão uma excelente opção para dar aquele ar quente e natural que procuramos. Por outro lado, combina a escolha do mobiliário com elementos decorativos adequados que transmitem aquela sensação de contacto com a natureza.

Procure por espaços organizados 

Outra dica que damos é que você procure não sobrecarregar o espaço. Muitas vezes algo simples e simples é melhor do que recarregar tudo ao extremo, pois nosso cérebro não é capaz de processar tanta informação e acaba não prestando atenção no que realmente queremos que ele tenha.

Por isso, se quisermos preencher um espaço que temos estado muito desolado, não tente preenchê-lo com muitas coisas como você pode ver neste exemplo.

Em vez disso, sugerimos que você coloque um elemento grande que chame a atenção do consumidor, como uma prateleira onde os produtos naturais estão perfeitamente dispostos e ao alcance do usuário.

Você também pode adicionar rótulos a cada espaço para ver o que é à primeira vista e também decorá-lo com plantas e flores. O verde nunca está em conflito com a decoração natural.

Decore o espaço com plantas e elementos naturais 

Tente usar diferentes materiais naturais e misture-os criando belas combinações. A mistura de materiais e texturas nos permite baixar visualmente o ambiente. Por se tratar de lojas de produtos naturais, podemos brincar facilmente com essa técnica, como colocar um vaso de vidro com flores próximo a uma prateleira de madeira maciça.

Enfim, e entrando no mundo da decoração com plantas, não podemos deixar de colocar algumas para dar vida ao nosso negócio. São um elemento que não devemos deixar de lado, sejam plantas, flores ou algum elemento vegetal, como as abóboras no outono, que muitas vezes são utilizadas para decorar e dar um toque muito especial à decoração.

Iluminação de espaços 

O fato de ter uma boa iluminação em sua loja aumenta o tempo de permanência dos clientes, sentindo que estão em um local agradável. Isso geralmente se traduz em aumento nas vendas. Mas o tipo de iluminação pode variar dependendo do tipo de negócio.

Neste caso, e no que se refere aos produtos naturais, a iluminação deve ser condizente com a imagem do estabelecimento e, portanto, quanto mais luz natural , melhor. 

Sabemos que isso, dependendo do espaço, nem sempre é possível, caso ainda não tenha decidido onde vai instalar o seu negócio de produtos naturais, aconselhamos que tenha uma boa montra onde possa entrar toda a luz natural possível. 

Decore com cores naturais 

Sabemos que muitas vezes não é uma tarefa fácil decidir qual a cor que mais se adequa à decoração do seu negócio, mas garantimos que para o negócio de produtos naturais é muito difícil cometer erros se seguir as nossas recomendações.

O ideal nesses casos é optar por tons neutros , que estejam em harmonia com os marrons e os tons terrosos, já que o toque de cor pode ser introduzido com elementos decorativos, como plantas ou flores, ou mesmo com produtos próprios. Assim, serão estes os que mais chamarão a atenção dos nossos clientes.

Crie experiência para seus clientes 

Uma parte muito importante de tirar vantagem de nosso negócio é criar uma experiência para nossos clientes.

Criar uma experiência nada mais é do que fazer com que o cliente participe do que é o seu produto e que saiba que, quando chega ao seu negócio, está fazendo mais do que simplesmente comprar. Como vamos conseguir isso? É muito simples e nas lojas de produtos naturais podemos experimentá-lo facilmente. 

Por exemplo, agora as lojas de legumes e nozes estão muito na moda, onde você oferece bolsas para comprar na loja e usa a quantidade que considera. A experiência está em poder usar seus próprios meios para armazenar a quantidade que se quer comprar e não aquela que já te vendem em uma embalagem plástica.

Outro exemplo pode ser encontrado em uma loja de cosméticos naturais onde você pode experimentar uma pequena amostra de vários produtos para escolher o que mais gosta, e não ter que comprar um que você não sabe se vai gostar do cheiro, a textura, etc.

Esperamos que essas pequenas dicas tenham ajudado na hora de montar sua loja de produtos naturais.

Dicas interessante para diminuir a dor da Osteoartrite

Dicas interessante para diminuir a dor da Osteoartrite

A dor limita o seu movimento?

Experimente algumas correções fáceis

A osteoartrite primária destrói a cartilagem e pode tornar as atividades cotidianas, como entrar e sair do carro, muito mais difíceis.

É o tipo mais comum de artrite e está associada ao “desgaste” das articulações. É diferente da artrite reumatóide, que é uma doença auto-imune. O tratamento pode ajudar a aliviar alguns sintomas, mas pode ser necessário contornar sua condição.

Você tem que ser criativo ao movimentar o corpo quando tem artrite. Isso pode ajudar a limitar o estresse nas articulações doloridas. Uma maneira menos dolorosa de entrar no carro envolve recuar lentamente no assento. Quando estiver sentado, balance as duas pernas juntas.

Você pode fazer o mesmo movimento ao contrário para sair do carro. Balance as pernas primeiro e depois deslize para a borda do assento para que você possa se levantar com mais facilidade. Uma capa de assento com cercadura pode ajudá-lo a fazer esses movimentos com mais facilidade. Almofadas giratórias do assento também estão disponíveis para facilitar a entrada e saída de um carro com osteoartrose dos quadris e joelhos.

Controle as tarefas simples

Aids faz uma grande diferença

Fazer coisas comuns que muitas pessoas consideram certas, incluindo apertar botões de microondas, pode ser difícil para quem sofre de dores nas articulações da osteoartrite.

A destruição severa da cartilagem significa que o osso entra em contato doloroso com o osso. Atividades simples do dia a dia, como comer e escovar os dentes, podem ser desafiadoras. Auxílios simples podem ajudá-lo a contornar esses desafios quando você tem um problema de saúde como a osteoartrite.

Experimente colocar rolos de esponja de cabelo em volta das alças da escova de dentes e dos utensílios para torná-los mais fáceis de segurar. Use um pino ou uma régua com uma rolha de borracha na extremidade para apertar os botões do micro-ondas, da TV e de outros aparelhos. Soluções rápidas como essas facilitam a convivência com a doença.

Escolha calçado confortável

Laços elásticos são uma boa escolha

É importante fazer exercícios, mesmo quando você tem osteoartrite. Caminhar pode ser doloroso, mas usar sapatos com amortecimento adequado e um bom suporte para o arco pode aliviar o esforço dos joelhos. Amarrar os cadarços dos sapatos pode ser difícil.

Os atacadores elásticos podem ser uma grande ajuda. A primeira vez que você usar um par de sapatos com atacadores de elástico, peça a outra pessoa que os calce e amarre os atacadores para você.

Deixe os cadarços amarrados para que você possa calçar e tirar os sapatos facilmente. Você pode usar uma calçadeira se precisar de ajuda extra. Se você tem pés chatos, pés em martelo, esporas ósseas (osteófitos), arcos altos ou outra condição nos pés, consulte um ortopedista para tratamento.

É mais provável que você force as articulações se não andar bem. Usar órteses pode ajudar não apenas os pés, mas também os joelhos e quadris a se sentirem melhor. A natação pode ser uma forma ideal de exercício para pessoas com osteoartrite. É mais provável que você faça exercícios quando se sentir bem.

Comece na cozinha

Por que ficar quando você pode se sentar?

Ficar em pé por longos períodos pode ser um desafio quando você tem osteoartrite, especialmente na cozinha enquanto prepara comida e lava pratos.

Use uma cadeira ajustável ou um banquinho com rodas para que possa sentar-se em vez de ficar em pé durante a preparação das refeições e a limpeza da cozinha. Para minimizar as idas à geladeira e à despensa, use um carrinho de utilidades com rodinhas para manter os alimentos, ingredientes e temperos por perto.

A roda de pizza é um item de alça para ter em mãos na cozinha. Use-o para cortar não apenas pizza, mas também lasanha, sanduíches e outros alimentos. Usar uma roda de pizza é mais fácil para as articulações das mãos e pulsos do que usar uma faca.

Uma alimentação saudável beneficia a sua saúde enquanto lhe ajuda a emagrecer, assim como detox caps para perder barriga, limpando seu organismo de toxinas e oxidantes desnecessários enquanto diminui seu peso na balança.

E o melhor de tudo isso é que não existem detox caps efeitos colaterais, justamente por se tratar de um produto 100% natural. Vale a pena conhecer!

E então, ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje?

Conte a nós, comente abaixo!

Até a próxima!

Desmaio: O que o faz desmaiar?

Você está desidratado

A desidratação pode ocorrer se você não beber o suficiente ou se perder muito líquido. Então, sua pressão arterial cai e seu sistema nervoso não consegue controlá-la bem, o que pode fazer você desmaiar. É por isso que é uma boa ideia conseguir bastante água, especialmente quando está calor lá fora. Se o seu xixi não estiver claro, talvez você precise beber um pouco mais.

Arritmia

Isso significa que seu coração está batendo irregularmente. Isso às vezes diminui o fluxo e a quantidade de sangue que chega ao cérebro, o que pode fazer você desmaiar. Pode ser o primeiro ou o único sintoma óbvio do problema.

Consulte seu médico imediatamente se você suspeitar de arritmia, pois pode ser um sinal de um problema cardíaco grave que precisa de tratamento.

Retenção cianótica da respiração

Isso acontece principalmente em crianças com idades entre 6 meses e 5 anos. Eles choram forte o suficiente para cortar o oxigênio e disparar uma resposta automática que os faz desmaiar.

Eles podem ficar azuis, desmaiar por cerca de um minuto e parecer grogue depois. Eles não fazem isso de propósito. É um reflexo que eles não podem controlar. Embora seja assustador de ver no início, não é nada com que se preocupar e pode até acontecer repetidamente.

Pallid Breath-Holding

Este também acontece principalmente em crianças pequenas. Um susto ou uma dor repentina faz com que o coração pare por alguns segundos. Sem nenhum som, uma criança pode abrir a boca antes de ficar muito pálida e desmaiar por cerca de um minuto.

A paralisação da respiração às vezes acontece depois que seu filho se machuca. Não é a lesão em si que causa essa resposta automática, mas o choque dela. Deve desaparecer aos 5 anos.

Baixo teor de açúcar no sangue

O termo médico é hipoglicemia. Isso pode deixá-lo tonto, trêmulo, cansado, confuso e embaçar sua visão. Normalmente, você pode consertar o problema se obter alguns gramas de carboidratos de suco ou doce.

Caso contrário, você pode desmaiar. Se isso acontecer, você precisa de um medicamento chamado glucagon para ajudar seu corpo a liberar mais açúcar.

Diabetes

O açúcar elevado no sangue devido ao diabetes pode danificar os nervos do corpo, o que ajuda a manter a pressão arterial estável. Isso pode levar a uma pressão arterial anormalmente baixa, que pode fazer você desmaiar.

Remédio

Alguns medicamentos, como medicamentos para hipertensão e antidepressivos, afetam a maneira como o coração e os vasos sanguíneos agem quando você está de pé. Isso pode baixar sua pressão arterial e fazer você desmaiar.

A insulina usada para baixar o açúcar no sangue quando você tem diabetes pode causar hipoglicemia, que também leva a desmaios. Em pessoas mais velhas, drogas diferentes às vezes combinam com a doença e a situação em que você se encontra – como ficar em uma sala quente – para fazer você desmaiar.

Convulsão

É uma mudança repentina nos sinais elétricos normais do cérebro. Alguns sintomas, como olhos virados para trás e movimentos bruscos, podem ser semelhantes a prender a respiração. A diferença é que as convulsões o deixam inconsciente por minutos, não segundos, e podem fazer com que você perca o controle da bexiga.

E você podia ver flashes de luz ou sentir odores ou sabores incomuns sem uma fonte óbvia. Consulte seu médico se suspeitar de uma convulsão.

Em pé

Se você desmaiar ao se levantar, pode ter uma condição chamada síndrome de taquicardia ortostática postural (POTS). Ele aumenta muito sua pulsação quando você se levanta ou se senta.

Você pode se sentir enjoado, tonto, trêmulo ou suado e seu coração pode parar de bater. E você pode desmaiar. Beber muitos líquidos, limitar a cafeína e o álcool e tentar levantar-se mais lentamente pode ajudar. Seu médico pode sugerir medicamentos para tratá-lo.

Problemas cardíacos

Músculo cardíaco danificado, vasos sangüíneos bloqueados ou estreitados (doença coronariana) e outros tipos de problemas de controle podem impedir que sangue suficiente carregado com oxigênio chegue ao cérebro.

Quando isso faz você desmaiar, é chamado de síncope cardíaca. Isso pode acontecer sem aviso, às vezes repetidamente durante um período de semanas. Consulte o seu médico imediatamente se você suspeitar disso ou se também tiver dor no peito, arritmia, fadiga ou outros sintomas.

Choque

O termo técnico para isso é síncope vasovagal. Seu corpo reage de forma exagerada ao ver sangue, emoção intensa repentina, medo de se machucar ou qualquer outra coisa que o aborreça.

Sua frequência cardíaca diminui à medida que os vasos sanguíneos se dilatam e o sangue se acumula nas pernas, longe do cérebro. Você pode estar com frio, úmido, pálido e nauseado logo antes de acontecer. Se você sentir que vai desmaiar, deite-se e levante as pernas.

Hiperventilação

Você sente que não consegue ar suficiente, então começa a respirar mais rapidamente. Embora não esteja claro o motivo, isso faz com que os vasos sangüíneos ao redor do cérebro encolham, o que limita o oxigênio e o deixa tonto e possivelmente desmaiado.

O medo, em vez de um problema físico, geralmente o causa, embora você possa provocá-lo se prender a respiração. Suas mãos, pés e boca também podem formigar.

Tossindo

Especialmente se for profundo e você não conseguir parar, pode impedir que seu sangue receba oxigênio suficiente, o que pode fazer você desmaiar. É mais comum em bebês com coqueluche, mas pode acontecer com qualquer pessoa.

A asma, que dificulta a respiração, pode ter o mesmo efeito. Vá ao hospital imediatamente se você tiver um ataque grave de asma ou desmaiar por tosse.

Beber álcool

Ele faz com que seus vasos sanguíneos se expandam, o que pode levar a uma queda na pressão arterial. Você pode desmaiar ao beber tanto que atinge uma concentração perigosamente alta de álcool no sangue.

Seu colar está muito apertado

A síncope do seio carotídeo, ou “síndrome do colarinho tenso”, ocorre quando algo empurra os nervos em uma grande parte da artéria carótida no pescoço. Isso interfere no fluxo sanguíneo para o cérebro e faz você desmaiar.

Acontece rapidamente e sem outros sintomas, como náusea, palidez e suor. Em alguns casos, se não aconteceu antes, pode ser um sinal de estreitamento das artérias que precisam de tratamento.

Você está desidratado

A desidratação pode ocorrer se você não beber o suficiente ou se perder muito líquido. Então, sua pressão arterial cai e seu sistema nervoso não consegue controlá-la bem, o que pode fazer você desmaiar. É por isso que é uma boa ideia conseguir bastante água, especialmente quando está calor lá fora. Se o seu xixi não estiver claro, talvez você precise beber um pouco mais.

Arritmia

Isso significa que seu coração está batendo irregularmente. Isso às vezes diminui o fluxo e a quantidade de sangue que chega ao cérebro, o que pode fazer você desmaiar. Pode ser o primeiro ou o único sintoma óbvio do problema.

Consulte seu médico imediatamente se você suspeitar de arritmia, pois pode ser um sinal de um problema cardíaco grave que precisa de tratamento.

Retenção cianótica da respiração

Isso acontece principalmente em crianças com idades entre 6 meses e 5 anos. Eles choram forte o suficiente para cortar o oxigênio e disparar uma resposta automática que os faz desmaiar.

Eles podem ficar azuis, desmaiar por cerca de um minuto e parecer grogue depois. Eles não fazem isso de propósito. É um reflexo que eles não podem controlar. Embora seja assustador de ver no início, não é nada com que se preocupar e pode até acontecer repetidamente.

Pallid Breath-Holding

Este também acontece principalmente em crianças pequenas. Um susto ou uma dor repentina faz com que o coração pare por alguns segundos. Sem nenhum som, uma criança pode abrir a boca antes de ficar muito pálida e desmaiar por cerca de um minuto.

A paralisação da respiração às vezes acontece depois que seu filho se machuca. Não é a lesão em si que causa essa resposta automática, mas o choque dela. Deve desaparecer aos 5 anos.

Baixo teor de açúcar no sangue

O termo médico é hipoglicemia. Isso pode deixá-lo tonto, trêmulo, cansado, confuso e embaçar sua visão. Normalmente, você pode consertar o problema se obter alguns gramas de carboidratos de suco ou doce.

Caso contrário, você pode desmaiar. Se isso acontecer, você precisa de um medicamento chamado glucagon para ajudar seu corpo a liberar mais açúcar.

Diabetes

O açúcar elevado no sangue devido ao diabetes pode danificar os nervos do corpo, o que ajuda a manter a pressão arterial estável. Isso pode levar a uma pressão arterial anormalmente baixa, que pode fazer você desmaiar.

Remédio

Alguns medicamentos, como medicamentos para hipertensão e antidepressivos, afetam a maneira como o coração e os vasos sanguíneos agem quando você está de pé. Isso pode baixar sua pressão arterial e fazer você desmaiar.

A insulina usada para baixar o açúcar no sangue quando você tem diabetes pode causar hipoglicemia, que também leva a desmaios. Em pessoas mais velhas, drogas diferentes às vezes combinam com a doença e a situação em que você se encontra – como ficar em uma sala quente – para fazer você desmaiar.

Convulsão

É uma mudança repentina nos sinais elétricos normais do cérebro. Alguns sintomas, como olhos virados para trás e movimentos bruscos, podem ser semelhantes a prender a respiração. A diferença é que as convulsões o deixam inconsciente por minutos, não segundos, e podem fazer com que você perca o controle da bexiga.

E você podia ver flashes de luz ou sentir odores ou sabores incomuns sem uma fonte óbvia. Consulte seu médico se suspeitar de uma convulsão.

Em pé

Se você desmaiar ao se levantar, pode ter uma condição chamada síndrome de taquicardia ortostática postural (POTS). Ele aumenta muito sua pulsação quando você se levanta ou se senta.

Você pode se sentir enjoado, tonto, trêmulo ou suado e seu coração pode parar de bater. E você pode desmaiar. Beber muitos líquidos, limitar a cafeína e o álcool e tentar levantar-se mais lentamente pode ajudar. Seu médico pode sugerir medicamentos para tratá-lo.

Problemas cardíacos

Músculo cardíaco danificado, vasos sangüíneos bloqueados ou estreitados (doença coronariana) e outros tipos de problemas de controle podem impedir que sangue suficiente carregado com oxigênio chegue ao cérebro.

Quando isso faz você desmaiar, é chamado de síncope cardíaca. Isso pode acontecer sem aviso, às vezes repetidamente durante um período de semanas. Consulte o seu médico imediatamente se você suspeitar disso ou se também tiver dor no peito, arritmia, fadiga ou outros sintomas.

Choque

O termo técnico para isso é síncope vasovagal. Seu corpo reage de forma exagerada ao ver sangue, emoção intensa repentina, medo de se machucar ou qualquer outra coisa que o aborreça.

Sua frequência cardíaca diminui à medida que os vasos sanguíneos se dilatam e o sangue se acumula nas pernas, longe do cérebro. Você pode estar com frio, úmido, pálido e nauseado logo antes de acontecer. Se você sentir que vai desmaiar, deite-se e levante as pernas.

Hiperventilação

Você sente que não consegue ar suficiente, então começa a respirar mais rapidamente. Embora não esteja claro o motivo, isso faz com que os vasos sangüíneos ao redor do cérebro encolham, o que limita o oxigênio e o deixa tonto e possivelmente desmaiado.

O medo, em vez de um problema físico, geralmente o causa, embora você possa provocá-lo se prender a respiração. Suas mãos, pés e boca também podem formigar.

Tossindo

Especialmente se for profundo e você não conseguir parar, pode impedir que seu sangue receba oxigênio suficiente, o que pode fazer você desmaiar. É mais comum em bebês com coqueluche, mas pode acontecer com qualquer pessoa.

A asma, que dificulta a respiração, pode ter o mesmo efeito. Vá ao hospital imediatamente se você tiver um ataque grave de asma ou desmaiar por tosse.

Beber álcool

Ele faz com que seus vasos sanguíneos se expandam, o que pode levar a uma queda na pressão arterial. Você pode desmaiar ao beber tanto que atinge uma concentração perigosamente alta de álcool no sangue.

Álcool pode lhe engordar, use detox caps para perder barriga.

Seu colar está muito apertado

A síncope do seio carotídeo, ou “síndrome do colarinho tenso”, ocorre quando algo empurra os nervos em uma grande parte da artéria carótida no pescoço. Isso interfere no fluxo sanguíneo para o cérebro e faz você desmaiar.

Acontece rapidamente e sem outros sintomas, como náusea, palidez e suor. Em alguns casos, se não aconteceu antes, pode ser um sinal de estreitamento das artérias que precisam de tratamento.

E então, ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje?

Conte a nós, comente abaixo!

Até a próxima!

6 Benefícios da impressão 3D

6 Benefícios da impressão 3D

A impressão 3D já faz parte da evolução de muitas empresas. E isso se deve, não só aos  benefícios da impressão 3D  nessas organizações, mas também ao fato de ela realmente constituir uma alternativa que promove a inovação e a competitividade.

Dentre os benefícios da impressão 3D para as empresas que já adotam essa tecnologia, talvez o mais notável seja  a possibilidade de fabricar produtos de baixo volume, em lotes de uma única unidade,  a custos baixíssimos . Isso permite que as empresas sejam mais eficientes no uso de seus recursos e matérias-primas.

Com efeito, a impressão 3D permite  integrar funcionalidade e inteligência , conceber e fabricar produtos cada vez mais complexos, sem custos adicionais.

Confira também – Acessórios para a suas Impressoras 3D – Preços Imperdíveis

Um pouco de história

A primeira revolução industrial nos afastou da habilidade artesanal do ser humano e nos aproximou da mecanização. A evolução continua com a automação, resultando em produção em larga escala.

À medida que a  sociedade avança em direção a níveis cada vez maiores de personalização , o conceito de  Henry Ford de que “qualquer cliente pode ter o carro da cor que quiser, desde que seja preto” não se aplica mais.

Com  a impressão 3D  damos um passo além e é possível ir direto  de um desenho digital a uma peça final , sem etapas intermediárias no processo. Assim, a impressão 3D elimina o uso de ferramentas e o consequente investimento de capital associado.

A manufatura aditiva pode  revolucionar a produção lucrativa de produtos personalizados, feitos sob medida para o gosto individual do cliente.  Isso é especialmente possível em setores como moda, saúde, higiene pessoal ou indústria automotiva.

Assim, dentro dos muitos benefícios da impressão 3D, as empresas também podem  diminuir os estoques  e produzir apenas o que os clientes escolherem nos catálogos digitais, quando necessário.

6 benefícios da impressão 3D

1. Individualização

A impressão 3D permite  fabricar produtos personalizados de  acordo com a geometria que melhor se adapta a cada um deles. E o faz  em condições econômicas favoráveis  tanto para a empresa quanto para os clientes.

2. Revolução nos sistemas de saúde

Graças à impressão 3D, os processos de planejamento cirúrgico são otimizados. É o caso da tecnologia 3D da  Ultimaker , capaz de produzir  réplicas ósseas de  alto valor no  planejamento da intervenção ou na explicação prévia ao paciente. 

Hoje, a tecnologia FDM pode oferecer grande  confiabilidade e precisão  para esses tipos de aplicações. E consegue reduzir o tempo de obtenção de réplicas ideais com custos acessíveis. 

A tecnologia 3D está cada vez mais avançada no campo da medicina. Os  ferramentais específicos ou as próteses customizadas  fabricadas pela impressão 3D já estão em alta e em um futuro próximo espera-se obter órgãos projetados para cada paciente, com rapidez e segurança. 

3. Análise de risco

Esta nova tecnologia permite o desenvolvimento  de modelos em escala para  medir os riscos  causados ​​por desastres naturais. E também, antes da ocorrência destes, fabricar peças necessárias para  atender  rapidamente a emergência .

4. Sustentabilidade

A impressão 3D pode ser usada para  reduzir o ciclo de vida e o impacto ambiental  dos produtos. Em primeiro lugar, os processos de impressão 3D usam  apenas o material necessário , ao contrário da usinagem que produz uma boa quantidade de resíduos.

Mas existem muitas maneiras de contribuir para a sustentabilidade. Por exemplo, pode ajudar a reduzir o consumo de combustível nos campos automotivo e aeroespacial, graças ao design otimizado.

5. Funcionalidade

O design do produto envolve mais do que forma. Os produtos são feitos para cumprir uma tarefa, uma função. Quer seja esta força, resistência à deformação, proporcionando isolamento, evitando a exposição a choques elétricos, ou, inversamente, conduzindo eletricidade, esperamos que o façam de forma eficiente.

Com a impressão 3D, é possível avaliar a funcionalidade da primeira unidade produzida , e não devemos esperar ter lotes de milhares e uma série de etapas de teste para verificá-la. Além disso, com o desenvolvimento dos materiais utilizados, é cada vez mais possível atingir as funcionalidades pretendidas.

Nesse sentido,  a tecnologia Jet Fusion da HP  incorporou o novo  conceito de  voxel, o equivalente tridimensional do pixel . Agora é possível definir características específicas no nível do voxel, para que diferentes propriedades possam ser inseridas em diferentes pontos na mesma peça. 

Isso permitirá fazer  peças inteligentes por zonas, ter locais específicos com cor ultravioleta, zonas magnetizadas, incorporar sensores inteligentes , tudo dentro da mesma peça.

6. Otimização da cadeia de abastecimento

A distância entre a produção e o consumo está cada vez menor. O que se estabelece nos modelos de supply chain baseados em economias de escala está sendo desafiado por novas tecnologias que propõem relacionamentos diretos impulsionados pela Internet e redes sociais.

Alguns sites permitem que muitos fabricantes vendam diretamente aos consumidores, eliminando atacadistas e varejistas. Assim, os  fabricantes devem estar atentos à tecnologia moderna para serem competitivos . Uma maneira de fazer isso é aproveitando os benefícios da impressão 3D.