Salário Maternidade empregadas domésticas: quem faz o pagamento?

Salário Maternidade empregadas domésticas: quem faz o pagamento?

Confira quem realiza o pagamento do benefício para empregadas domésticas.

Você é empregada doméstica, está grávida ou pretende ter um filho? Então leia nosso artigo e conheça todos os seus direitos.

Antes de falarmos especificamente do benefício concedido às empregadas, é importante entender do que se trata. Veja a seguir.

O que é o Salário Maternidade?

O Salário Maternidade, é um benefício pago pelo INSS e concedido a todas as mães trabalhadoras, que tiveram seus bebês através do parto ou adoção e que se enquadrem nos requisitos mínimos.

Como funciona o Salário Maternidade para empregadas domésticas?

Confira a seguir como funciona na prática o Salário Maternidade para empregadas domésticas.

Quem tem direito?

Todas as trabalhadoras domésticas que possuem carteira assinada, tem direito ao benefício. Porém se as mães trabalham sem carteira assinada, terão que contribuir com o INSS para ganhar o auxílio.

Período de Carência

É importante deixar claro que, não há um período de carência para as empregadas domésticas.

Duração do benefício

A duração irá depender de como a mãe teve o bebê. Em casos de parto, adoção, guarda judicial para fins de adoção, natimorto a empregada doméstica recebe 120 dias de licença maternidade.

Porém, em casos de aborto espontâneo, estupro ou risco de vida para a mãe é concedido 14 dias de licença.

Valor do Salário Maternidade

Caso a empregada trabalhe em um lugar fixo com carteira assinada e recebe o mesmo salário todo mês. Ela continuará a receber a mesma quantia.

Porém, caso a empregada doméstica trabalhe em locais diferentes ou não receba a mesma quantia todo mês, é feita uma média dos últimos 6 meses recebidos para determinar o valor do benefício.

Onde e quando pedir o benefício

Confira a seguir como e quando pedir o Salário Maternidade para empregadas domésticas.

Se a mãe terá o bebê através do parto, deverá realizar o pedido 28 dias antes do parto no INSS.

Se o evento gerador for adoção, a mãe deverá requerer ao auxílio no INSS assim que tiver a adoção ou a guarda para fins de adoção.

Em casos de aborto não-criminoso, a mulher deverá solicitar o pedido no INSS assim que ocorrer o aborto.

Documentos de comprovação do pedido

Em casos de parto, a mãe deverá comprovar o pedido com atestado médico, caso decida se afastar 28 dias antes do parto, ou terá que apresentar a certidão de nascimento ou de natimorto.

Para os casos de adoção, a empregada doméstica deverá apresentar o termo de guarda ou certidão nova para realizar o pedido.

Por fim, para casos de aborto não-criminoso, deverá ser apresentado um atestado médico que comprove o ocorrido.

Como realizar a solicitação do benefício

Para realizar o pedido basta seguir o nosso passo a passo.

  • Primeiramente, acesse o Portal Meu INSS;
  • Caso ainda não tenha acesso ao Portal, clique em “Cadastre-se”;
  • Informe seus dados conforme for solicitada;
  • Em seguida, clique em “Não sou um robô” e em “Próximo”;
  • Responda a todas as perguntas conforme for solicitada e de acordo com as informações contidas nos dados do INSS.

Obs: É importante que esta etapa seja realizada corretamente para que não haja problemas futuros.

  • Após o cadastro, você receberá uma senha que deverá ser alterada após acessar pela primeira vez;
  • Após realizar o login, clique em “Meu INSS” e em seguida em “Salário Maternidade”;
  • Insira as informações conforme for solicitada para realizar o pedido.

Atenção. Após finalizar a solicitação, o sistema irá analisar seus dados e o pedido poderá ser aprovado ou negado.

A solicitação pode ser acompanhada através do Portal Meu INSS.

Esse processo é feito exclusivamente através do site. Você só deverá comparecer em uma agência, caso for solicitada pelo órgão.

Entrar em contato com o INSS

Ainda está com alguma dúvida, então entre em contato com o INSS através dos meios de atendimento a seguir.

Telefone

Ligue para o número 135 e fale com um atendente.

O atendimento funciona de segunda à sábado das 7h às 22h.

Site ou aplicativo

É possível também tirar todas as dúvidas através do Portal Meu INSS ou pelo aplicativo Meu INSS. Disponível para Google Play e App Store.

Gostou do nosso conteúdo? Então compartilhe esse artigo com todas as mães empregadas domésticas.

Woop Sicredi telefone: veja como entrar em contato!

Woop Sicredi telefone: veja como entrar em contato!

O nome “Woop” surgiu da interação que buscam o cooperativismo, grande diferencial que o Sicredi está buscando aos seus clientes. Aqui todo mundo pode ter conta, como já diria o slogan da empresa.

O Sicredi já tem mais de 117 anos de história e está sempre inovando, oferecendo mais de 300 produtos e serviços financeiros de acordo com o perfil dos clientes do Banco. E o Woop é mais uma ferramenta que vem agregar para a tecnologia.

A proposta está em aliar a inovação digital e também saber como cooperar, em um trabalho onde todos saíram ganhando.

O Woop foi uma alternativa do Sicredi pensada para atender de forma prática, rápida e segura tudo que os seus clientes precisavam através do celular, sem ter de ir todas as vezes a uma Agência e congestionar o serviço, por mais que o serviço físico seja essencial.

Através do App, você também pode mandar o seu dinheiro para uma agência 24 horas e fazer o que você precisa.

SAC Woop Sicredi

O Sicredi atende suas reclamações ou sugestões pelo 0800 727 7220, sendo essa a Central de Atendimento Oficial aos Clientes do Banco e demais consumidores. Está disponível

Função Eliza e o que muda para os associados

A Eliza é a Assistente Virtual do Sicredi, que reduz em até 46% o tempo dos atendimentos feitos e processados pelo chat. Através do App Woop Sicredi, você pode fazer perguntas para a Assistente Virtual durante todos os dias da semana.

Esta Assistente Virtual pode responder a todo o tipo de solicitação, como a segunda via de sua conta, extratos bancários, negociações de empréstimos e benefícios para os produtores rurais.

Atendimento Telefone

O Atendimento funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana. Basta você ligar e desejar a sua solicitação para 0800 877 5454.

App Woop Sicredi

Baixe já o Woop Sicredi App em seu Smartphone, através da loja oficial, e acompanhe tudo que você movimentar em sua conta, seus benefícios e saques. Isso desde qualquer lugar que esteja.

Mídias Sociais

Siga o Sicredi em suas mídias sociais, sabendo de primeira mão todas as novidades e benefícios concedidos aos seus clientes:

Facebook

Twitter

Instagram

E-mail

Envie a sua mensagem para o suporte eletrônico. Em um prazo curto de tempo, você irá obter a sua resposta pelo ola@woopsicredi.com.br

Agências Físicas Sicredi

Sempre que você precisar de um Atendimento do Sicredi, é possível que você contate uma das tantas agencias espalhadas pelo Brasil. Veja a seguir um posto de atendimento do Sicredi de acordo com a sua região:

São Paulo

São Paulo: Av. Paulista, 923, Bela Vista – Telefone: 11 3053-4200

Campinas: Av. Barão de Itapura, 729, Botafogo – Telefone: 19 2514-1434

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro: R. Dias da Cruz, 421, Méier – Telefone: 21 3475-2055

Santa Catarina

Florianópolis: Av. Rio Branco, 691, Centro – Telefone: 48 3223-4200

Balneário Camboriú: Av. do Estado, 4910, Estados – Telefone: 47 3263-6800

Lages: R. Vidal Ramos Júnior, 44, Centro – Telefone: 49 3222-5721

Paraná

Curitiba: R. Mal Deodoro, 869, Centro – Telefone: 41 3324-6401

Londrina: Av. Higienópolis, 659, Centro – Telefone: 43 3305-4000

Foz do Iguaçu: Av. Juscelino Kubtschek, 3082, Vila Paraguaia – Telefone: 45 3028-2040

Rio Grande do Sul

Porto Alegre: Av. Protásio Alves, 795, Alto Petrópolis – Telefone: 51 3316-9350

Caxias do Sul: R. Sinimbu, 1299, Loja 3, Nossa Sra. De Lourdes – Telefone: 54 3218-9800

Bento Gonçalves: R. Júlio de Castilhos, 351, Centro – Telefone: 54 3449-9000

Minas Gerais

Belo Horizonte: Av. Brasil, 1492, Funcionários – Telefone: 31 3254-7800

Bahia

Salvador: Av. Tancredo Neves, 620, Caminho das Árvores – Telefone: 71 3173-8500

Distrito Federal

Brasília: Q. 4 BL B, Asa Sul – Telefone: 61 3105-1510

EFEITO SANFONA NO EMAGRECIMENTO

EFEITO SANFONA NO EMAGRECIMENTO

Se você já fez alguma dieta durante a vida deve conhecer bem o termo “efeito sanfona” Este efeito de emagrecimento-corte é um dos grandes problemas enfrentados por quem deseja alcançar o peso ideal e manter-se assim.

O que os nutricionistas dizem

A maioria está de acordo:o emagrecimento até que é fácil, mas manter o peso parece uma tarefa impossível. Por que será que é tão difícil manter o peso obtido após uma rigorosa dieta? Será que é impossível? Para responder a estas e outras questões, temos de tirar essas dúvidas com os especialistas.

De acordo com a nutricionista funcional Flávia Cyfer,o efeito acordeões comum e pode afetar até a pessoa mais disciplinada.

“O primeiro passo para não recuperar os quilos perdidos é enfrentar o novo menu como uma mudança no estilo de vida e não como um par de dias de restrição de alimentos” também afetando sua pele com ausência de colágeno afirma a nutricionista.

“Alguns estudiosos da nutrição humana acreditam que o organismo mantém uma espécie de memória metabólica, com a tendência de voltar ao estado anterior, depois de sofrer mudanças”, explica O médico Cristiano Merheb, especialista em Nutrologia Cemes Centro Médico e membro da Associação Brasileira de Nutrologia.

“Evite os esquemas dietéticos muito rigorosos e prolongados. O ideal é enganar o corpo de modo que ele não sinta falta de o que está a perder”, recomenda.

As sugestões dos especialistas eshuir das dietas de emergência. São as chamadas dietas de emergência — programas de distribuição de alimentos com baixas calorias e que restringem certos alimentos e grupos de alimentos.

“Geralmente duram apenas alguns dias e não devem ser prolongadas por mais tempo, devido à baixa quantidade de calorias que devem ser ingeridas”, explica o nutrólogo Maximo Asinelli.

Segundo ele, ao restringir muitos alimentos e consumir poucas calorias, este tipo de dieta, obriga o organismo a utilizar outras fontes de energia para manter suas funções vitais, como as gorduras acumuladas.

“Por isso, se uma dieta de emergência foi seguido ao pé da letra, ela irá realmente ajudar na perda de peso, mas, por outro lado prejudica o organismo e não traz benefícios a longo prazo”, adverte o médico.

O ideal é que, depois de um programa de perda de peso, a character, enfrenta um período prolongado de tempo (entre 2 e 3 anos) para reeducação alimentar, dando oportunidade ao corpo de esquecer os padrões anteriores para não more recuperar tudo o que emagreceu é o que recomenda médicos e nutrólogos.

Então, se você está de dieta ou pretende fazer, saiba que não se pode perder o controle depois de entrar na velha calça dois números menor. Mantenha o foco e mantenha-se perseverante. Programe-se antes para se manter firme na dieta e dar adeus ao efeito sanfona.Reeducação alimentarista a nossa sugestão.

Coroa de Flores e tipos de coroas

Coroa de Flores e tipos de coroas

As flores fazem parte da vida dos seres humanos há milênios e elas são usadas em diferentes maneiras e com diversos significados. A coroa de flores é um dos itens mais simbólicos entre as empresas, se caracterizando por ser um arranjo de flores diferentes, com folhas, galhos e em alguns casos até mesmo frutos.

A coroa de flores foi inventada há mais de dois séculos na região Sul da Europa.

As coroas de flores são usadas para diferentes finalidades ao redor do mundo como, por exemplo, decorar o ambiente de celebrações, homenagear pessoas, comemorar o nascimento de Jesus, entre outras. Se é do seu interesse saber mais sobre os arranjos de flores, faça um curso de arranjos florais para se aperfeiçoar.

Acompanha abaixo mais informações e dicas sobre coroa de flores:

Para Quem Podemos Dar as Coroas de Flores:

coroa de flores

Conforme já foi dito, as coroas de flores são adereços muito simbólicos e possuem significados diferentes em várias regiões do mundo, o que faz com que a sua finalidade também seja diversificada. Fora do Brasil, mais especificamente nos países da Europa, as coroas de flores são utilizadas como objeto de decoração, como presente para pessoas que estão celebrando uma data importante ou para comemorar o Natal.

Já, aqui no Brasil, as coroas de flores estão mais relacionadas aos velórios, visto que elas são enviadas para as famílias que perdem entes queridos como um sinal de pesar e condolências. Este modelo de coroa de flor é enviado juntamente com uma mensagem de solidariedade ou saudade.

Tipos de Coroa de Flores:

Para presentear as pessoas certas com as coroas de flores é de fundamental importância conhecer os modelos em que este adereço costuma ser encontrado. Veja a seguir os tipos de coroa de flores:

1- Coroa de Flor Grande e Redonda

coroas-de-flores

A coroa de flor grande e redonda é mais comum para homenagens em velórios. Geralmente, este modelo de coroa é feito com crisântemos, Xena, Gerbera e Palma, além de folhagens verdes. Em alguns casos, as coroas também podem receber galhos secos.

2- Coroa de Flor Com Formatos Diversificados

A coroa de flor com formatos diversificados é mais utilizada para fazer a decoração de ambientes. Por exemplo, existem coroas de flor em formato de coração para festas de casamento e noivado. As flores usadas nesse modelo de coroa também são diversificadas, pois vão desde rosas até hortênsias.

3- Coroa de Flor Natalina

A coroa de flor natalina pode ser feita em diferentes formatos, mas o mais comum é o arredondado. Este modelo de coroa é confeccionado com flores mais chamativas e coloridas como, por exemplo, girassol, margaridas, rosas, pequenos galhos de pinheiro, pinhas, entre outras.

10 dicas para comprar uma casa a um bom preço

imoveis

Comprar um apartamento barato em tempos de crise como o que atualmente mora no mercado imobiliário.

Confira também – Imóveis em Rivieira – Compre agora mesmo o seu imóvel por um ótimo preço

imoveis

1. Certifique-se de que você pode comprar a casa

Parece óbvio, mas não seria a primeira vez que alguém faz uma oferta por uma casa e depois não pode pagar. Portanto, antes de colocar uma oferta em cima da mesa, você deve estar muito certo de que pode pagá-la, o que significa que você tem o dinheiro, que já vendeu sua casa antiga ou que concluiu a hipoteca

2. Será um investimento ou sua casa habitual?

Se a compra for puramente para investimento, eles só terão que pensar em termos de rentabilidade do aluguel (tente alcançar e possível aumento do preço da casa. Além disso, você deve ser agressivo no preço final, sem sentimentalismo. Pelo contrário, se a casa for morar nela por 10 anos ou mais, você pode ser um pouco mais flexível se for a casa dos seus sonhos, embora você deva sempre se perguntar se será capaz de arcar com todas as despesas daquela casa, especialmente se for um grande salto em relação à sua casa anterior

3. Não compre até você ter praticamente vendido sua casa

Até que sua casa seja vendida, você não saberá quanto receberá por isso. Portanto, é melhor não fazer ofertas durante esse período. De fato, alguns agentes imobiliários se recusam a ensinar casas às pessoas nessas circunstâncias. E é que, apesar da queda geral nos preços, ainda há pessoas que não aceitam que sua casa tenha caído de preço, mas estão fazendo ofertas tremendamente descendentes para propriedades que lhes interessam

4. Pese o que deseja da propriedade

O preço é a única coisa que lhe interessa no apartamento? Agora, mais do que nunca, você deve pensar no que lhe interessa em uma casa e escolher. Antes, só era recomendado seguir a regra dos três l (local, local e local), mas agora em uma recessão, falamos dos três pontos (posição, preço e perfeição). As casas que mais caíram não são necessariamente as que têm os melhores preços. Embora sempre haja espaço para negociação, as melhores casas terão perdido menos valor. Portanto, temos que escolher o que queremos (transporte, serviços …)

5. Descubra até onde você pode baixar o preço

A melhor maneira de fazer uma oferta é não fazê-lo. Devemos sugerir que faremos isso, mas daremos algum tempo para deixar o corretor ficar animado. Enquanto isso, descobriremos mais sobre a propriedade e o proprietário da casa que nos interessa. O tempo que você está no mercado, o nível de desespero do vendedor, quantas ofertas você recebeu e quantas rejeitou … você precisa ficar curioso, sem ser rude, para fazer uma oferta ajustada para baixo, que provavelmente será rejeitada, mas e se é realista, pode ser uma pedra de toque para iniciar a negociação

6. Faça sua oferta

É mais provável que você aceite uma oferta se o vendedor já tiver sofrido uma decepção na forma de retirada de compradores interessados ​​ou perto de datas designadas, como o Natal. Também é importante tentar descobrir se o fornecedor está enfrentando datas importantes, como uma mudança de emprego ou precisa se inscrever para uma faculdade ou outro serviço em outro local. Eles também costumam ser mais receptivos se tiverem momentos psicológicos com a casa à venda, por exemplo, um ano.

7. Fique à vontade com o vendedor

Faça uma oferta para o lado negativo, mas esteja preparado para acomodar os prazos do calendário do vendedor, que pode precisar da casa alguns meses antes da entrega. Isso pode proporcionar uma economia significativa, pois economizará um aluguel. Além disso, você deve ser educado e demonstrar sua admiração pelas melhorias que o vendedor fez, mesmo se você disser a ele que precisa incluir na sua oferta um custo de reformas de outras coisas

8. Você deve praticar o gazunder?

No Reino Unido, nenhum contrato é assinado até a redação, portanto algumas pessoas diminuem sua oferta ou barganha no último minuto. Em épocas passadas em que o preço da casa não parava de subir, acontecia o contrário, que os vendedores procuravam o comprador no último momento dizendo que tinham outra oferta mais alta e os expulsaram do contrato se não correspondessem a essa oferta. Aqui estão opiniões para todos os gostos. Enquanto alguns recomendam não fazer isso por ser antiético, outros apontam que a ética nos negócios está no preço e que, se o preço continuar caindo até o contrato, o valor da transação deve ser ajustado

9. Se você pechinchar no último minuto …

Se você decidir retirar sua oferta inicial, certifique-se de ter preparado motivos para justificar essa alteração e dê tempo ao agente para negociar com outras pessoas interessadas na propriedade. Caso contrário, você tem mais do que um cheiro de chantagem e isso pode significar que o vendedor se retira completamente da venda. Esteja preparado para perder propriedades, se for um blefe

10. Esteja pronto para fechar o negócio

Por fim, verifique se realmente deseja seguir em frente e fechar o negócio rapidamente, se houver um entendimento. Tenha tudo à mão e preparado para não atrasar o processo